Últimos assuntos
» Ansiedade ao adormecer?
Ontem à(s) 21:23 por ester

» DESMAME DE ANTIDEPRESSIVOS E ANSIOLÍTICOS
Ontem à(s) 20:20 por Kely

» Jogos de computador
Ontem à(s) 17:57 por viper

» Choques elétricos?
Ontem à(s) 17:53 por viper

» Paraxetina desmame
Qua Jul 26 2017, 20:11 por Barbara Reis

» Clínica da Mente - Alerta com base na minha (má) experiência
Qua Jul 26 2017, 17:59 por caferreira

» 6 meses sem mirtazapina
Qua Jul 26 2017, 13:34 por zeta

» Depressão (?)
Qua Jul 26 2017, 13:24 por zeta

» Meu pai tem transtorno bipolar, é possível eu ter TDAH ao invés de Transtorno Bipolar ?
Sex Jul 21 2017, 15:39 por Paullete2

» Parada abrupta dos medicamentos
Sex Jul 21 2017, 10:53 por lyraylemos

Quem está conectado
10 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 10 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Qui Maio 25 2017, 20:26

Medo da vida?

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 01:49

Boas.

Há muito que sigo alguns relatos pelos fóruns da Clix e decidi juntar-me a vocês neste novo espaço.

A minha história é um pouco longa, mas tentarei ser o mais sucinto possível.
Tive uma vida algo conturbada enquanto crescia, nomeadamente por falta de paz no meu lar, fosse isso causado pelas discussões entre os meus pais, fosse pelos problemas que existia entre a vizinhança. Nunca soube o que era ter paz em casa, somente quando ia para a casa da minha avó no Norte.
Fui crescendo assim, sendo óbvias certas falhas emocionais em mim como por exemplo: ir para a escola e chorar por ter medo que algo acontecesse aos meus pais, saudades deles mesmo só por estar umas horas na escola, etc...
Era também enorme o meu desgosto em estar longe da família, pois sempre fui muito saudosista e eles fizeram-me sempre muita falta.
Continuei a crescer neste ambiente de stress, até que um dia me apareceram sintomas mais óbvios de ansiedade, neste caso apresentados sob a forma de alguma hipocondria: vontade constante de urinar, zumbidos nos ouvidos... Associava sempre a alguma doença física, até que aos 17 anos de idade decidi ir ao Psiquiatra da minha mãe.
Ah sim, esqueci-me de dizer que TODA a minha família tem antecedentes de depressão. Tive que lidar muitas vezes com as crises da minha mãe e ajuda-la (isto sendo uma criança). O irmão da minha mãe, meu tio, também passou por muito, tendo até sido sugerido internamento a ele. À minha mãe também sucedeu o mesmo mas recusaram-se sempre. Felizmente conseguiram domar a doença dentro do possível (eu diria que até muito bem, mas foi luta longa).
De qualquer modo, fui ao psiquiatra como vos disse e ele receitou-me Paroxetina e foi remédio santo! Os sintomas desapareceram em poucos dias e assim foi durante 10 anos, até muito recentemente, mas lá chegaremos.
Infelizmente, os medicamentos não curam a vida em si, e os problemas familiares continuaram até escalarem a proporções desmedidas e veio a separação dos meus pais. Claro que antes disso muita coisa aconteceu.
Tendo que aturar discussões continuas e sempre stressado, houve uma altura em que decidi sair de casa pois estava farto da situação. Decidi mudar-me para Inglaterra com a idade de 22 anos. Isto foi em 2005.
Foi dos maiores traumas da minha vida. Tive o meu primeiro ataque de ansiedade nessa altura, pois entrei em pânico quando me deparei sozinho e a ter que ganhar o meu sustento, tendo inclusive que fazer se calhar coisas que não gostaria. A ideia de tal situação invadiu-me de repente e minou-me, não tento tido eu solução senão voltar pra casa dos meus pais pois o pânico era abismal.
Voltei e voltei igualmente a trabalhar como já fazia desde os 17 anos, tendo decidido igualmente ingressar na faculdade. Consegui e com muito esforço, pois trabalhava e estudava ao mesmo tempo, tirei o meu curso, embora o que mais me custasse era agravado pelas minhas "cismas" e medos que ficaram desde a fatídica ida para Inglaterra.
Raro foi o trabalho que fiz que gostasse, mas estar em casa dos meus pais dava-me alguma calma nesse sentido, mas a relação deles estava cada vez pior, portanto era preso por ter cão e preso por não ter.
Como vos disse, veio a separação deles, e mais uma vez o meu medo impediu-me de ir viver sozinho e de seguir a minha vida pelos meus meios (ainda estava a estudar).
Fui viver com a minha mãe e o companheiro dela da altura, mas infelizmente, tudo deu pro torto com eles, e fiquei eu mais ela.
Fomo-nos ajudando mutuamente até que chegou ao ponto em que tive que assumir um trabalho a tempo inteiro, pois tinha que a ajudar visto que ela ganhava pouco e o meu pai também não me podia ajudar muito.
Foi terrível para mim pois a função era call-center, e simplesmente detesto isso, mas sinceramente não sei se ser outra coisa ajudaria. Às vezes fico confuso porque já estou muito baralhado, mas já tive funções que até gostei de fazer.
De qualquer modo, na altura em que me mudei com a minha mãe e o companheiro da altura dela, decidi voltar ao psiquiatra, pois já sentia muitas fraquezas e a situação de Inglaterra continuava a massacrar-me.
Ele simplesmente voltou a por-me paroxetina, medicação que eu já tomava desde os 17 anos e como é óbvio, não ajudou nada. Andei lá ainda 1 ano e tal porque confiava muito nele, mas ele apenas me adicionou o Dumyrox e nada mudou, até que decidi tentar outro psiquiatra.
Mudei e receitou-me venlafaxina mais outras coisas, e realmente tive melhorias imensas! Fiquei bem. Voltei lá e na 3ª consulta ele reduziu a dose, e passado algum tempo tive uma recaída. Ele voltou a aumentar-me a venlafaxina mas não me voltou a por o cocktail inicial, e eu não recuperei.
Fartei-me novamente de falhanços e tentei outro. Este novo psiquiatra continuou com a venlafaxina mas receitou-me igualmente Diplexil, estabilizador de humor usado em transtornos bipolares, embora ele me tenha dito que eu não o era, mas que como eu tinha dias em que estava "bem" e outros em que estava deprimido, achou por bem prescreve-lo. Receitou também
A verdade é que voltei a sentir-me bastante bem, tal como da outra vez com o outro psiquiatra. Voltei à consulta e mais uma vez mexeu-me na medicação. Tirou a venlafaxina e deixou-me so com o Diplexil. Passado um mês e tal, outra recaída. Tive um total de 3 meses bem com esta medicação, tal como com a medicação do outro.
Voltei lá e ele aumentou o diplexil e deu-me xanax, mas foi desastroso. Senti-me super mal e tive muitos efeitos secundários.
Entrei em desespero e tive um Agosto horrível, procurando solução rápida pois estava totalmente destruído pela recaída. Tentei Reiki mas não adiantou nada, embora tenha gostado do conceito. Tentei contactar o meu psiquiatra mas ele estava de férias e não disse nada.
Recentemente voltei a mudar de psiquiatra, tendo ele receitado um novo medicamento no mercado: Valdoxan. Não me fez bem algum, antes pelo contrário.
Voltei lá e deu-me a seguinte medicação: Paroxetina, Dumyrox e Xanax xr, ou seja, medicação que já tomei em tempos e nada fez, e um que me pôs péssimo.
Nesta altura, já tive inclusive o retorno daquela sensação de querer urinar constantemente, embora volta e meia a mesma desapareça.
No entanto, não é isso que mais me incomoda, mas sim a minha falta de capacidade de enfrentar a vida. Estou em psicoterapia desde Março e sinto que me tem ajudado, mas são mudanças muito pequenas e lentas, e a vida não espera por ninguém.
Tenho um sonho que é ir viver para o Japão, mas vejo-me totalmente abalado emocionalmente e incapaz de enfrentar os meus medos pelo menos da forma que conseguia quando a medicação estava a fazer efeito.
O meu pai morreu recentemente, e foi outro abalo na minha vida.
Neste momento temo por tudo, inclusive pela minha sobrevivência pois nem eu nem a minha mãe somos ricos, e este medo ou que raio é destrói-me e impede-me de seguir em frente com projectos de vida.
Depois deste testamento, queria apenas saber se algum de vocês alguma vez sentiu esta incapacidade, e sinceramente queria também ter pessoas que me entendessem para além da minha mãe e família. Infelizmente, não falo disto com os meus amigos excepto um ou dois...
A nível de namoros, as ultimas relações que tive só serviram para me inferiorizar mais, pois não entendiam o que eu sentia e revoltavam-se. O mais irónico é que eram pessoas também com algumas "pancadas" mas enfim...
Peço desculpa pelo longo desabafo, mas precisava de o fazer... Levei muito tempo a conseguir expressar-me aqui, mas sei que não sou o único que sofre e sei lá...gostava de partilhar experiências mas acima de tudo, esperança, coisa que me falta às vezes...

Agradeço a todos por terem lido o meu post.

As melhoras para todos.

Beijos e abraços,

Tora
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 12:43

Olá tora, bem-vindo.
Pelo que percebi a o teu corpo ganhou tolerância à paroxetina. Ninguém sabe o que fazer nesta altura, pq ninguém percebe que a paroxetina tem um limite de idade. Comigo só funcionou durante 3 anos. (o que é bom acaba depressa).
É aqui que entra uma das formas mais crueis do diabo, vêm todos os sintomas elevados a 100.
O normal é experimentar todos os medicamentos que existem no mercado até um funcionar, mas raramente acontece.
A única solução é fazer o desmame, mas um desmame correcto pode demorar cerca de 2/3 anos e mesmo assim não há garantias de que haja grandes melhoras, pois cada caso é um caso e o teu torna-se mais complicado por já haver um histórico de depressão na família, mais todas as agravantes que daí advieram.
eu não tomo nada, mas sinto essa incapacidade de que falas.
Fizxeste bem em desabafar, sempre perdes uns kilos das costas.

És uma pessoa forte que não baixa os braços e isso é meio caminho andado para superar as dificuldades!

Muita força!



Última edição por Brick em Sab Nov 13 2010, 16:26, editado 1 vez(es) (Razão : :))
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por bichobrabo em Sab Nov 13 2010, 13:32

Acho que é bem-vindo, brick
avatar
bichobrabo
Moderador
Moderador

Mensagens : 1507
Reputação : 131
Data de inscrição : 30/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 16:26

bichobrabo escreveu:Acho que é bem-vindo, brick

Razz
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 17:49

Obrigado pelas palavras encorajadoras Brick.

Não fico de braços cruzados, isso sem dúvida que não, mas o que mais dói é que nem isso seja o suficiente!
Só me resta continuar a tentar.
Já pensei em desistir de tudo mas acho isso parvo. Tenho muita gente que amo e que quero continuar a ver.
Temo pelo futuro, por não me sentir "adequado", mas enfim...
Dizes que sentes o mesmo que eu. Posso-te perguntar a que nível? Se quiseres contar claro...

Abraços a todos.
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 18:10

Tora escreveu:Obrigado pelas palavras encorajadoras Brick.

Não fico de braços cruzados, isso sem dúvida que não, mas o que mais dói é que nem isso seja o suficiente!
Só me resta continuar a tentar.
Já pensei em desistir de tudo mas acho isso parvo. Tenho muita gente que amo e que quero continuar a ver.
Temo pelo futuro, por não me sentir "adequado", mas enfim...
Dizes que sentes o mesmo que eu. Posso-te perguntar a que nível? Se quiseres contar claro...

Abraços a todos.

Não vale a pena desistir!

Sinto medo da vida.

Até aos meus 20/21 anos tinha um sonho, ser professor, e era para isso que estudava, pois era uma profissão que exigia estar todos os anos em sitios diferentes. E conclui, nunca fui grande aluno pq nunca estudei o suficiente para ter notas excelentes, mas sempre me safei, nunca chumbei em nada.
Em 2001 tive uma experiencia estranha, que contei atrás, num dos meus posts, em 2002 tomei diazepam para uma cervicalgia e a minha vida nunca mais ia ser a mesma. Começaram os medos. em 2003 comecei de tomar seroxat (paroxetina) e senti-me bem durante uns meses, mas sempre que praticava exercicio ficava com o corpo cheio de choques eléctricos e decidi parar, mas nao consegui. Falei com o médico ele disse que não devia parar. Procurei ajuda na net, encontrei o site paxilprogress.org que me ensinou a fazer um desmame correcto, ainda assim foi muito doloroso e ficaram traumas para o resto da vida. Desenvolvi agorafobia e monofobia(medo de sair de casa e medo de estar sozinho). TRabalhei até 2006, já não aguentava mais. estive parado 4 anos e voltei ao serviço o ano passado, mas foi muito duro.
Este medo faz com que tenha medo de sair de casa, de conduzir, etc...
Tudo isto melhorou bastante depois de conhecer o reiki, mas deixei de fazer e foi tudo por agua abaixo.
UMa certa brincadeira com jogos do copo, mais a porcaria dos comprimidos deitaram a minha vida por terra. Mas não desisto de procurar uma solução.
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 18:17

Seroxat... Foi essa a primeira medicação que tomei e que me tirou aquelas "manias".

Será este "medo da vida" uma reacção à paroxetina? Digo isto por ver a semelhança de sintomas...
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 18:46

Tora escreveu:Seroxat... Foi essa a primeira medicação que tomei e que me tirou aquelas "manias".

Será este "medo da vida" uma reacção à paroxetina? Digo isto por ver a semelhança de sintomas...

É que não tenhas dúvidas! Eras assim antes da medicação?
Alíás, se leres a bula, qualquer coisa como agorafobia, anedonia, distimia devem aparecer por lá!
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 18:52

Não, de forma alguma! Só tinha aquelas manias que mencionei mas NADA de medo da vida ou isso...
Aliás, até ansiava por sair de casa, trabalhar, etc...
Isto até me dá vontade de falar mal, dass!
Por isso é que uma prima minha que está também há alguns anos a tomar paroxetina tá cheia de medos e fobias...
Sinceramente...
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 19:00

Tora escreveu:Não, de forma alguma! Só tinha aquelas manias que mencionei mas NADA de medo da vida ou isso...
Aliás, até ansiava por sair de casa, trabalhar, etc...
Isto até me dá vontade de falar mal, dass!
Por isso é que uma prima minha que está também há alguns anos a tomar paroxetina tá cheia de medos e fobias...
Sinceramente...

ora aí está. os ansioliticos é a mesma coisa...
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 19:19

Bem...neste caso nem sei que pensar, mas como tenho consulta próximo dia 19 vou ter que falar com o médico.
De qualquer modo esta medicação não me está a fazer nada, só a piorar na verdade!
Já agora Brick, porque raio o efeito da medicação me passa tão depressa? É "normal"?

avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 19:27

Tora escreveu:Bem...neste caso nem sei que pensar, mas como tenho consulta próximo dia 19 vou ter que falar com o médico.
De qualquer modo esta medicação não me está a fazer nada, só a piorar na verdade!
Já agora Brick, porque raio o efeito da medicação me passa tão depressa? É "normal"?


Pelo que tenho lido os antidepressivos, quando funcionam, só funcionam uma vez, pode ser durante 5 ,6 , 7, 10 no máximo 15 anos. depois é muito dificil encontrar um que volte a funcionar, nem o mesmo ad volta a ter o mesmo efeito. POrtanto se a parox. te durou 10 anos foi muito bom, pena ng saber o que ia acontecer dpois disso, mas agora já sabemos e por isso os laboratórios farmaceuticos como a gsk estão a indemnizar milhões de pessoas pelo crime que cometeram.

Sim, fala com o médico, vê o que ele sugere.
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 19:54

Acho incrível que coisas destas aconteçam...
Receitam o medicamento e depois é: "Ups, desculpe lá!".
Não entendo como é possível...
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 20:21

ainda se pedissem desculpas...
o pior é que nem reconhecem que o problema é provocado pela medicação.
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 20:29

Sinceramente isto é tipo facada nas costas, porque sempre confiei nos médicos/medicação, visto que também foi o caminho que a minha família sempre tomou (também...iam fazer o quê?!).
Mas pá, fico revoltado.
O meu medo é o mesmo de todos os que sofrem destes males: até quando vai isto durar?
Sei que nos casos da minha família foram difíceis de "derrotar" e ficam sempre resquícios da doença, mas eu preciso duma melhoria substancial.
Enfim...o meu tio foi "só" 10 anos a caminhar pro psiquiatra com "ameaça" de internamento. Mad
Já a minha prima, epá...aquilo para mim não é nada!
Tipo...parece que a paroxetina veio só acalmar aquela tristeza que ela tinha, porque os medos e fobias tão todos lá. E das coisas mais estapafúrdias que possa haver, tipo ir de carro numa distância relativamente curta.
Cruel sentir-se assim...
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 20:38

é terrivel.
Há várias hipóteses. FAzer um desmame lento; tomar mais drogas; trabalhar com vitaminas e aminoacidos(nem sempre dá para quem ainda toma medicação)

VAis melhorar, tem paciência!
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 20:40

Só queria ser quem já fui Brick... Queria ser ao menos auto-suficiente, pelo menos a nível de empregos e isso.
Mas mais uma vez agradeço as tuas palavras.

Já agora, o fórum da Clix foi mesmo ao ar?
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 20:42

Amigo, também eu!

não foi, mas vai dia 30 deste mes.
Rolling Eyes
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Sab Nov 13 2010, 20:45

Temos este agora. Smile
Se bem que muita gente devia ir buscar apoio ali... Que raio de atitude.
Enfim... Não devem querer reconhecer que esta é a doença do século e que cada vez mais atinge a população.
Vão-se enganado vão...
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Brick em Sab Nov 13 2010, 21:27

Tora escreveu:Temos este agora. Smile
Se bem que muita gente devia ir buscar apoio ali... Que raio de atitude.
Enfim... Não devem querer reconhecer que esta é a doença do século e que cada vez mais atinge a população.
Vão-se enganado vão...

Se reparares, há lá um tópico com quase 300páginas "Ansiedade e ataques de pânico", esse tópico foi apagado há uns anos atrás com 300 páginas, ou seja, agora teria mais de 600páginas de informação. A clix faz assim estas limpezas, mas nunca quiseram saber do fórum, o tema ainda é o do século passado, ehh, enfim...

surgiu a ideia de criar este e o pessoal está a aderir. ainda bem!
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5406
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tremelix em Dom Nov 14 2010, 01:52

Tora escreveu:Seroxat... Foi essa a primeira medicação que tomei e que me tirou aquelas "manias".

Será este "medo da vida" uma reacção à paroxetina? Digo isto por ver a semelhança de sintomas...

Camarada "ansiofóbico",
Eu tive a primeira grande crise aos 25 anos, quase três anos depois de vir da Guerra de África, em Angola, e tudo ficou virado de pernas para o ar. Perdi 20 quilos num mês, não me aguentava em pé com falta de força, tremia, tinha taquicardias e arritmias constantes, os médicos não atinavam com nada. Como tinha a vida profissional toda pela frente, meti nos cornos que tinha de sair para a vida e para o Mundo, um médico muito velho receitou-me uma dose de cavalo de vitaminas (só me lembro do nome de uma que começava por "ultra"), recomecei a ir trabalhar agarrado às paredes para não cair e um ano depois andava calmamente de avião por toda a Europa, Ásia, África e América do Norte.
Aos 42-23 anos tive a segunda grande crise, e tufa, seis meses em casa sempre com vómitos e sair só agarrado à minha mulher na altura. Uns copos e uns lorenines, mais um calmante para o estômago cujo nome não me lembro lá me ajudaram a regressar ao activo. Mas nessa altura já outros sintomas esquisitos de acentuavam de vez em quando mas voltei a fazer a vida normal.
Eis se não quando, há quatro anos, uma descarga eléctrica pela espinha abaixo me deixou completamente KO e passei uns seis meses infernais com Fluoxetina, xanar 0,5, e todos os sintomas possíveis e imaginários na Ansiedade Generalizada e ataques de pânico. Falei com o médico de clínica-geral, passei para a Paroxetina e o Xanax XR e as melhoras (não a cura) foram quase imediatas. Comecei a sair aos bocadinhos, eu que estive seis meses sem conseguir ir à porta ou à janela quanto mais à rua, e desde aí tenho passado períodos mais ou menos bem e outros, como o Inverno passado, mais ou menos muito mal.
Agora, já reformado, lá se vai andando e fazendo umas coisas em casa, dou uma volta pela esplanada todos os fins de tarde e tomo os "drunfos" para evitar sentir os sintomas horrorosos de há três-quatro anos, quando a simples acção de me pôr em pé me deixava numa ansiedade extrema.
Felizmente nos intervalos das crises tive uma vida profissional meritória e muito feliz, andei por 3/5 do Mundo e casei e acasalei várias vezes com gajas de quem gostava.
Se me perguntares qual, afinal, é o medicamento mais eficaz nesta doença parva e maluca só conheço um: força de vontade.
Abraço e as melhoras!
avatar
Tremelix

Mensagens : 129
Reputação : 16
Data de inscrição : 30/10/2010
Idade : 64
Localização : Por aqui

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Dom Nov 14 2010, 03:39

Obrigado por me contar a sua história Tremelix.

Sim, também concordo que passa muito pela força de vontade, mas quando vem aquele pânico que nos domina...é realmente difícil!
É pena eu ter cismado com algo tão crucial na vida duma pessoa, o trabalho! Enfim, sinto-me quase ridículo às vezes.
Não sei o que o futuro me reserva, mas já ficava contente com uma vida digna.
Choro muita vez por ver os outros seguirem em frente e eu ando por aqui a deambular, ainda por cima por medos estúpidos e até algo incoerentes! E acima de tudo dói porque sei o meu valor, mas parece que há aquela maldita barreira com a qual esbarro sempre.
Enfim, agradeço mais uma vez e desejo que continue tudo bem consigo.

Um abraço.
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por flordelotus em Qui Nov 18 2010, 16:58

Tora escreveu:Boas.

Tenho um sonho que é ir viver para o Japão...

Tora

Olá.

Este sonho..nunca faças dele impossível de se realizar.

Neste momento, já que sabes muito bem que o que sentes é emocional e tb sabes que os medicamentos tapam buracos, começa a tratar o emocional.
Uma das maneiras de se resolver é perdoar e libertar o que aconteceu...o que já de si é duro mas com vontade e teimosia positiva tudo se consegue.

A barreira todo o ser humano cria...seja para que for. Se puseste a barreira, também podes tirá-la. Desafia-te.(não é para retirar medicamentos). É para levantares a barreira psicológica..Cria pensamentos positivos.

E não chores por ver as outras pessoas andarem em frente, fica feliz por elas. Um dia, chegará a tua vez.

Tudo de bom




flordelotus

Mensagens : 32
Reputação : 2
Data de inscrição : 02/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Tora em Qui Nov 18 2010, 18:10

Adorei a tua mensagem Flordelotus.

Não sei quem és mas muito obrigado por essas palavras! Smile

Realmente é difícil superar barreiras psicológicas, mas continuo a tentar!
Ando a ser seguido por uma psicoterapeuta espectacular que muito me tem ajudado! As pessoas pensam que desabafar é "trivial" mas não é, e há mais numa sessão de psicoterapia do que se pensa.
Tento ser positivo o mais que me é possível, embora confesse que há alturas muito difíceis, e situações nas quais o medo toma conta de mim duma forma terrível mesmo. Mas como tu dizes a barreira foi por mim criada, portanto também a conseguirei destruir!

Obrigado mais uma vez pela força.

Tudo de bom para ti também. Smile
avatar
Tora

Mensagens : 25
Reputação : 2
Data de inscrição : 13/11/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por lemos-nuno em Sab Nov 27 2010, 00:46

Tora escreveu:Adorei a tua mensagem Flordelotus.

Não sei quem és mas muito obrigado por essas palavras! Smile

Realmente é difícil superar barreiras psicológicas, mas continuo a tentar!
Ando a ser seguido por uma psicoterapeuta espectacular que muito me tem ajudado! As pessoas pensam que desabafar é "trivial" mas não é, e há mais numa sessão de psicoterapia do que se pensa.
Tento ser positivo o mais que me é possível, embora confesse que há alturas muito difíceis, e situações nas quais o medo toma conta de mim duma forma terrível mesmo. Mas como tu dizes a barreira foi por mim criada, portanto também a conseguirei destruir!

Obrigado mais uma vez pela força.

Tudo de bom para ti também. Smile

ola antes de mais bem vinda... sou o lemos tambem ja conhecido neste forum embora nao te conheça... ouvi o teu relato e como todos nos nos vamos habituando infelizmente todos tems uma historia por vezes diferente mas com mt semelhança... ouveram mts coincidencias desde a minha infancia ate a minha primeira crise.. sempre fui um miudo com mts problemas, embora desvalorizasse isso e consoante o crescimento aprendi a ganhar armas e defender-me mas aquela pessoa simples divertida, sincera amiga de mais... mas engraçada por dentro nervosa de mais e sofria de mais com os problemas dos outros...um rapaz que sempre interiorizou tudo e guardava para ele todas as maguas.... pois aos 23anos chegou o meu grande dia de inferno.. a 1a crise que me deixou de rastos arrastado a maca pensando eu que o outro mundo ja esperava por mim... os dias seguintes foi lutar contra o nada, contra o infinito sem saber por onde começar.... tudo foi delorozo.. aquilo que me dava prazer, sair, o futebol a minha grande paixao desde pequeno ser jogador... achei ser uma pessoa saudavel ate ali... e a partir dai... tudo desabou... acabou-se os sonhos.... as grandes vontades que chegassem os fins de semana para gozar, a vontade de sair tudo foi a vida... e começei a viver a vida no seu dia a dia como nao a conseguindo gozar... a psicoterapia tal como dizes ajudou-me mt a ganhar alguma força e qualidade de vida... e acompanhado pelo anti depressivo cipralex parece que aos poucos estava a voltar a reagir e ter vontade de seguir em frente embora certos sonhos e medos me acompanhassem no meu dia a dia.. eu como comercial que sou saia todos os dias a pensar quantas crises vou eu ter hoje na carrinha... "existe algum hospital perto de onde estou a passar", "sera hoje que morro de ataque ou avc" bem tudo mudou... nunca mais fui o mesmo... no presente estou sem cipralex tomo pacinone 20mg de manha.... mas sinto que o meu sistema nervoso esta destruido ou esta ferido... adorava sair mas agora saio se estiver 2h seguidas num cafe dantes dava-me gozo agora começo a ferver e sinto-me mal... nao sei se existe um dia em que nao pense na morte ou "sera isto um sintoma de ataque??!!!" ganhei sem duvida alguma qualidade de vida mas a medicaçao deixou marcas profundas e nao sei se chegaram a cicatrizar.... ate pq sinto que consigo estar bem numa coisa e aparece-me outra... a questao da tensao estou a tentar controlar e sera um passo importante para mim... agora como descrevi noutro post vem a situaçao da minha namorada com sintomas e problemas que podem ser graves... e penso tenho 26a e ela 25a... sinto-me cansado... sem grande força de lutar e por vezes sinto-me com vontade de seguir em frente e lutar e outras com vontade de baixar as armas com que tenho lutado e deixar-me ir.... nao sei acredito que existam doenças mt mais sofredoras... mas esta e uma doença que avança devagarinho e vai deixando marcas no seu dia a dia.... mas acredito que ainda consigamos chegar ao ponto de nos sentirmos felizes e concretizados.... pelo menos tento em determinados momentos fazer isso... para ganhar alguma força.....
mt força e nunca desistas.. Wink

lemos-nuno
Moderador
Moderador

Mensagens : 341
Reputação : 10
Data de inscrição : 30/10/2010
Idade : 33
Localização : guimaraes

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Medo da vida?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum