Últimos assuntos
» Coitofobia e Parafobia
Ontem à(s) 02:30 por Bia...

» Desmame : Quet xr + bup
Ontem à(s) 00:50 por ClariceWilke

» Desmame Sertralina
Ontem à(s) 00:30 por patuxa

» Me sinto depressivo
Ontem à(s) 00:23 por patuxa

» Fluvoxamina
Ontem à(s) 00:18 por patuxa

» Sem saída!?
Ontem à(s) 00:14 por patuxa

» Olá a todos, gostava de saber como posso fazer o desmame
Qui Dez 14 2017, 10:27 por bandulha

» Desmame de Cipralex, Victan, Mirtazapina e Nozinan
Ter Dez 12 2017, 22:41 por j77

» Dúvidas drogas e medicamentos
Ter Dez 12 2017, 00:15 por Convidado

» Dificuldade de aceitar a morte da minha mãe.
Seg Dez 11 2017, 15:41 por Priscila Soares

Quem está conectado
9 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 9 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Qui Maio 25 2017, 20:26

Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Paciente em Ter Jul 23 2013, 22:00

Olá a Todos Caros Membros! Very Happy 

Peço desculpa por não ter Relatado logo a minha situação, como tal tinha prometido. Acontece que tive de me ausentar e já não me foi possível vir preencher o prometido Tópico e um outro que também criei.

Pois então irei contar-vos o porquê de criar este Tópico...
 
Eu era relativamente um rapaz muito Novo, devia ter cerca de 16 anos, quando iniciei pela 1ª vez a condução ou o contacto com um Automóvel. Não foi bem conduzir (andar pela estrada com vários carros e a colocar as mudanças todas) mas foi tentar aprender e perceber toda aquela "ciência", com o qual eu estava bastante baralhado. Ora era os pedais, a caixa de velocidades, etc...
Acontece que quem me estava a ensinar era o meu Pai, e eu nunca tive uma boa relação com ele, devido aos feitios que temos, chocamos muito, apesar de até termos feitios parecidos mas não totalmente iguais. Confesso também que o amor pelo meu Pai, não é aquele amor de um filho que teve a melhor infância que alguma vez os meus pais ou neste caso o meu pai me pudessem ter dado.

Continuando na aula de condução...

Eu estava completamente Nervoso, só de entrar no carro, as pernas já tremiam, como acontece ainda hoje. Lembro-me que depois de me acalmar e depois de ter passado uma meia-hora a tentar arrancar com o carro, pois por diversas vezes ia se abaixo, mas com muito esforço, lá consegui colocar o carro a circular. Epá, fiquei mesmo muito feliz, e por momentos até perdi o medo e o nervosismo quando comecei a ver o carro a andar Very Happy . Mas aquilo foi tudo por momentos, passados uns 5 minutos, de ter andado ás voltinhas e de nunca ter passado da 1ª mudança, (pois também não era necessário colocar a 2ª mudança) começam logo a voltar os sintomas, o nervosismo, a vergonha, frustração, tudo porque comecei a ficar descentralizado com o automóvel, acabando por desistir de conduzir naquele dia e de nos dias a seguir, olhar para o carro e não ter vontade nenhuma de voltar a pegar nele, ou a pensar passar pelo mesmo tratamento.

Passados uns bons tempos...

Volto a ganhar coragem de pegar no carro, mas desta vez sozinho, sem o meu pai dentro do carro, mas a acompanhar-me como um espectador do lado de fora.
Sentia-me bem, muito bem, mas depois de começar a conduzir, o carro foge-me e começa a andar ás voltas e eu a ficar descontrolado, com muito Medo, porque não conseguia parar o carro. Felizmente consegui e não houve estragos. Depois dessa situação ainda ganhei mais medo, prometendo a mim mesmo que nunca mais iria pegar num carro.

Passados outros tempos...

Lá me contradizi e voltei a pegar no carrito, e lá estava eu, todo Feliz da Vida! Very Happy 
Desta vez fui conduzir num parque de estacionamento subterrâneo, aqui foi onde correu tudo bem Very Happy e enchi-me de confiança. Que bom foi esse dia, foi mesmo maravilhoso. Esta felicidade toda só por eu ter arrancado com o carro, (até parece ridículo) mas eu sentia-me feliz.

Passados outros tempos....

Começo a conduzir na minha Rua, cheio de carros estacionados e alguns em movimento em ambos os sentidos, e até ao momento estava tudo bem, até já colocava a 2ª mudança, espetáculo! Razz 
Até que houve 1 carro que quis sair do estacionamento e outro que vinha a entrar e eu começo a sentir-me encurralado, entrando completamente em Pânico, pois não conseguia pensar em como safar-me daquela situação, começo a ficar quente, mas tão quente, começo a transpirar, a ficar zonzo, bem foi 1 filme horrível. Depois nem sei como é que saí dali, mas felizmente não bati em nenhum outro carro. Quando essa situação se sucedeu, e relembro que foi na minha Rua, além de estarem muitos carros, parados e a circular, estavam também muitas pessoas, a passarem na rua e algumas estavam a ver-me a conduzir, conclusão e para terminar este meu Relato/testemunho, penso que foi a partir daí que se começou a desenvolver a Dita e muito bem conhecida Fobia Social affraid. Pois hoje quando vou para pegar no carro e simplesmente tento o estacionar, penso sempre se está alguém a olhar para mim, e é deveras sufocante! Mad 
Recordo-me de uma vez estar a arrumar o carro de marcha atrás e não estava a visualizar bem o lugar onde iria caber o carro e comecei logo a entrar em Pânico, sempre com o medo de errar, falhar. Depois lá arrumei o carro, novamente com algum esforço e quando sai-o, olho para cima, e estava o meu vizinho a olhar para mim. Bem senti-me tão transtornado, tão ridículo, só de pensar que o meu vizinho estava a ver as minha tristes figuras a arrumar o carro, uma coisa que é tão simples, mas que para mim é um Pesadelo. E esta situação foi á cerca de 1 ano, relembro que ainda não tenho a carta de condução, precisamente por causa destas tentativas falhadas e também do enorme Medo que tenho de conduzir ou de andar pela estrada. Então agora que desenvolvi esta Fobia, ou então já a tinha, mas só agora é que a descobri, torna-se muito mais difícil obter a Licença para tal. Crying or Very sad 


Se alguém se identificar com o meu Relato e quiser trocar experiências, incentivo para nos ajudar-mos mutuamente, agradecia.
Qualquer das formas, gostava muito que comentassem e o que me podiam dizer para eu melhorar em relação a este Medo/Fobia + Fobia.



Nota: Após eu ter sentido e me ter apercebido de todos estes sintomas, fui pesquisar e encontrei o nome desta Fobia, que é a Amaxofobia e tem a ver precisamente com o medo de conduzir e de ser observado Embarassed 



Cumprimentos!


Última edição por Paciente em Qui Jul 25 2013, 12:01, editado 7 vez(es)
avatar
Paciente

Mensagens : 100
Reputação : 10
Data de inscrição : 18/07/2013
Idade : 29
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Brick em Ter Jul 23 2013, 23:04

Suspect 

_________________
Não sou médico! Todas as informações prestadas sobre desmames têm como base uma experiência pessoal com antidepressivos e ansiolíticos e não substituem as recomendações dadas por pessoal qualificado!(Psiquiatra ou Médico de Família)
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5433
Reputação : 549
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Kity em Qua Jul 24 2013, 09:54

???
avatar
Kity

Mensagens : 622
Reputação : 147
Data de inscrição : 16/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Thais Rocha em Dom Fev 09 2014, 00:04

Bom, por incrível que pareça eu fico aliviada em saber que existem outras pessoas como eu...Sinceramente, estou completamente transtornada e hj mesmo chorei por não conseguir sair com o carro no estacionamento do supermercado.
Tudo começou há um ano atrás, quando fui tirar minha habilitação. Eu estava tentando tirar A e B, mas só consegui a carteira A, sendo reprovada 2 vezes na prova de carro onde o meu RENACH venceu. Desde então, só queria andar de moto. Trabalhava longe mas nunca criava coragem para ir ao trabalho de moto, saliento que os palpites das pessoas que estão a nossa volta nos deixa pior ainda, mais inseguro e nervoso. Até que um dia, eu me sentindo suficiente demais, tomei um tombaço subindo na calçada para estacionar...Meu joelho ficou em carne viva! Meu esposo brigou muito comigo e fiquei chocada com o prejuízo que dei, a partir desse dia eu nunca mais andei de moto.
Eis que penso: Por que não um carro? Comecei a falar que queria comprar um carro e eis que ganho de presente um Corsa 96, pequeno e "fácil" pra iniciantes.
Pois é, sinto pânico só de pensar em pegar no carro...Ele fica lá, estacionado...Toda vez que eu o pego acompanhada do meu marido eu me desestruturo totalmente, não consigo fazer nada, entro em pânico e dá vontade de chorar, pois sei que vou ser criticada. Paguei umas aulas com um instrutor, enquanto eu não a definitiva da carteira A para entrar com o processo de inclusão da B...O instrutor me elogiou no início, mas era só eu entrar numa rua com trânsito que eu me desesperava...E o pior, toda vez eu cometia um erro: um dia eu quase atropelei um homem que apareceu do nada, outro dia quase bati, na última vez quase raspei bruscamente num carrão, que nem meu salário todo pagaria o prejuízo...Cada dia que passa sinto-me uma idiota, pois vejo tantas pessoas a minha volta dirigindo numa boa, conseguem andar, estacionar, até mesmo sem ter feito autoescola...E eu assim...Estagnada

Thais Rocha

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 08/02/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Pedro_S em Qua Fev 12 2014, 15:05

Eu sei o que é alguns desses sintomas, com algumas pequenas diferenças:

Eu nunca tive interesse em andar de carro, nem em conduzir, ao contrário de todos os meus colegas e amigos que aos 15, 16 anos já queriam andar a pegar nos carros dos pais. Eu andava de transportes para todo o lado, e sentia-me independente para ir onde quisesse. Só aos 20 anos é que achei oportuno ir tirar a carta. As aulas de código foram relativamente fáceis, mas fui nervoso para o exame. As aulas de condução já foi pior, o meu instrutor era um completo anormal, um sádico, que devia ter problemas sérios e aquela não era nem de longe nem de perto a profissão para a qual estava talhado. Assim de repente só o imagino a dar instrução militar na tropa, pois é como eu o vejo a dar as aulas de condução.
Devia logo de início ter pedido para mudar de instrutor, mas com medo de represálias não o fiz, e foi o pior que fiz, pois tive de aturar aquele idiota até ao fim. As aulas eram um pesadelo, o primeiro exame de condução fui tão nervoso que chumbei e só passei à segunda tentativa.
Tinha o carro antigo dos meus pais para começar a guiar e só para o meter a trabalhar era um castigo, era um carro já velhinho e cheio de manias. Sair do estacionamento também me era complicado, tanto que eu nunca parava o carro em frente ao prédio dos meus pais, ia estacionar longe, onde tinha bastante espaço e margem de manobra e sem carros a atrapalhar. Não conseguia conduzir com ninguém ao lado, amigos ou familiares, com o meu pai e irmão sentia-me ainda mais "vigiado". Tinha pavor de ir para subidas e ter de parar o carro e não conseguir fazer um ponto de embraiagem, e mandar o carro abaixo, aterrorizava-me a ideia de os outros condutores começarem a buzinar, a gozar, ou a gritar comigo. Até que cheguei a um ponto que disse BASTA, isto não pode continuar assim. Passei a ir logo de manhã pegar no carro todos os dias, levar para um lugar isolado, com subidas e passeios e treinei tudo de novo sozinho, sem professor, sem ninguém. Treinei a subir passeios altos, a descer, a fazer estacionamentos de todos os tipos, marcha atrás, pontos de embraiagem. Perdi a conta ás vezes que mandei o carro abaixo mas não desisti. Começei a ganhar confiança em mim próprio e começei então as voltas na cidade, percorria várias vezes os mesmos percursos, já com trânsito. Fui assim ganhando confiança e acima de tudo, conhecimento das "manias" do carro e como o dominar. Foi feito de "baby steps" e pequenas vitórias, ainda me lembro da primeira vez que tive coragem de levar o carro até Lisboa pela ponte 25 de Abril.

Hoje estou curado? não totalmente. Sinto ainda algum stress a conduzir, suo das mãos quando está muito trânsito, quando me aproximo de um cruzamento complicado e não vejo uma aberta para me meter e vejo a fila de carros atrás de mim a aumentar. Não gosto ainda de conduzir com familiares ao lado. Mas consigo fazer uma condução dita "segura"? Consigo pois, e melhor que muitos aceleras que ai andam com a mania que são grandes condutores. Simplesmente evito situações mais complicados, não estaciono o carro em L em sitios apertados que veja que pode ser difícil meter o carro à primeira e tenha já carros atrás de mim. Etc.

O meu conselho para ti é não desistires, procurares uma boa escola de condução, um bom instrutor, tentares te manter calmo e ir PRATICAR. Só assim vais vencer esse medo.

Boa sorte

_________________
"Dura lex, sed lex"
avatar
Pedro_S

Mensagens : 394
Reputação : 36
Data de inscrição : 09/02/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amaxofobia (Medo de Conduzir) Actualizado

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum