Últimos assuntos
» Eu não sei mais o que fazer
Ontem à(s) 21:30 por rafaelvoodoo

» Depois do desespero
Ontem à(s) 20:21 por rafaelvoodoo

» Desmame de Alprazolam 0,25
Ontem à(s) 14:03 por Ingrid_K

» Quando a minha mente chegou ao limite...
Ontem à(s) 02:17 por Cristiane Aparecida Lessa

» Desmame Sertralina
Ontem à(s) 02:09 por Cristiane Aparecida Lessa

» desmame Sertralina
Ontem à(s) 01:56 por Cristiane Aparecida Lessa

» Ansiedade/ disturbio mental
Ter Abr 25 2017, 19:03 por ester

» Ataques de Pânico e Agorafobia
Seg Abr 24 2017, 17:20 por guevara

» opressão vs depressão
Dom Abr 23 2017, 22:54 por 1006

» Depois do desespero
Dom Abr 23 2017, 22:17 por lanaKayle

Quem está conectado
8 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 8 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 52 em Sab Fev 01 2014, 18:10

UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por Vitor em Ter Out 08 2013, 20:43

Excerto
[...]A pesquisa histórica publicada no Journal of the American Medical Association em 2010 indica que os benefícios dos antidepressivos variam “de inexistentes a insignificantes” em pacientes com depressão leve, moderada e até mesmo grave, e que altas doses de antidepressivos são pouco mais eficazes do que doses baixas. Apenas em pacientes com sintomas muito graves (cerca de 13 por cento das pessoas com depressão), observou-se um benefício estatisticamente significativo com o tratamento. Consequentemente, espera-se que as vendas mundiais de antidepressivos, que atingiram o pico de US$ 15 bilhões em 2003, caiam agora para menos de US$ 6 bilhões até 2016. [...]


Aqui está o link do artigo completo:

http://budavirtual.com/2013/09/28/depressao/


_________________
As minhas intervenções neste forum não visam de modo algum substituir o acto médico. Baseiam-se na minha experiência pessoal, de participantes deste forum e de outros. Cabe a cada participante do forum procurar aconselhamento médico, psicólogo ou outro pessoal qualificado.
avatar
Vitor
Moderador
Moderador

Mensagens : 875
Reputação : 81
Data de inscrição : 18/01/2012
Localização : Algarve

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por Brick em Ter Out 08 2013, 21:40

Nada que não saibamos...

_________________
Não sou médico! Todas as informações prestadas sobre desmames têm como base uma experiência pessoal com antidepressivos e ansiolíticos e não substituem as recomendações dadas por pessoal qualificado!(Psiquiatra ou Médico de Família)
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5384
Reputação : 549
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por zeta em Qua Out 09 2013, 07:44

Eu acho que cada vez mais sabemos que se devem evitar ao máximo anti depressivos e benzos, pq a dependência vai nos tornar fracos e mais sensíveis ainda.
Ultimamente, infelizmente na minha zona teem se suicidado várias pessoas e em curtos espaços de tempo. a maioria é devido a depressões e apesar de estarem medicadas, terem sido internadas, continuam na depressão que os conduz a um final dos piores...
Porque a depressão ,segundo minha experiencia na maioria das vezes só se cura se curarmos ou tratarmos o motivo que a causou: desemprego, problemas familiares, etc e não é isso q se tem feito... vai se ao médico de família e enxarca a pessoa em medicamentos que nos inícios até alivia mas depois nada faz , pelo contrario piora...
Isto é muito complicado...
eu estou triste pq uma pessoa conhecida minha fez essa loucura na semana passada , sofria de depressão desde sempre, nunca trabalhou e só se dedicou a "descansar "dessa maldita doença que precisa de descanço mas principalmente de ocupação para não haver espaço p pensamentos tão negativistas...

_________________
Minhas respostas e conselhos, baseiam-se em experiências por mim vividas, pelo que para melhor orientação a nivel de medicação, por favor consultem o especialista adequado.
avatar
zeta
Moderador
Moderador

Mensagens : 860
Reputação : 120
Data de inscrição : 07/07/2011
Idade : 47
Localização : Guimaraes

Ver perfil do usuário http://rosette27.webnode.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por heavenhell em Qua Out 09 2013, 15:40

Concordo com a zeta. No meu causo as benzos foram sem dúvida prejudiciais porque estavam a exarcebar pensamentos suicidas e a tentar concretiza-los tomando doses elevadas. Desde que comecei com o antidepressivo já não sinto isso e até tenho mais motivação para enfrentar o dia (coisa que não imaginava que fosse conseguir neste epoca quando pensava nisso em Julho ou inicio de Agosto antes de começar o AD), no entanto sinto-me extremamente cansada, estou sempre a adormecer, e continuo a sentir apatia e falta de vontade para fazer as coisas além de continuar a pensar no problema, porque não está resolvido... Parece que o AD as vezes me leva a um mundo de "fantasia" em que estou (ou finjo?) estar bem disposta, mas de vez em quando há momentos de contacto com a realidade em que sou confrontada de novo com o problema e sinto-me igualmente triste e perdida, a diferença é que agora consigo camuflar melhor e ultrapassar.... Mas há outros downsides como já disse cansaço e sinto falta de memória e apatia. No meu caso se não estivesse dependente de xanax e se ele não me tivesse a deixar tão deprimida não teria tomado nenhum dos dois, mas pronto a meu ver entre os dois o mal menor é o AD. Só que de facto não resolve nada. Evita que faça asneiras, mas não me ajuda a resolver o problema, as vezes até penso que evita que eu lide com ele porque me dá a sensação de felicidade...Se a pessoa está feliz não consegue reconhecer o que está mal e o reconhecimento/assimilação dos problemas é o passo mais importante para os começar a resolver. 

Lamento por essa onda de suicidios. Acredito que devido aos factores sociais mais recentes como a crise, os suicidios aumentem porque as pessoas estão sob muitos tipos de pressões.

heavenhell

Mensagens : 177
Reputação : 16
Data de inscrição : 22/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por ousadia em Qui Out 10 2013, 13:07

zeta escreveu:Eu acho que cada vez mais sabemos que se devem evitar ao máximo anti depressivos e benzos, pq a dependência vai nos tornar fracos e mais sensíveis ainda.
Ultimamente, infelizmente na minha zona teem se suicidado várias pessoas e em curtos espaços de tempo. a maioria é devido a depressões e apesar de estarem medicadas, terem sido internadas, continuam na depressão que os conduz a um final dos piores...
Porque a depressão ,segundo minha experiencia  na maioria das vezes só se cura se curarmos ou tratarmos o motivo que a causou: desemprego, problemas familiares, etc e não é isso q se tem feito... vai se ao médico de família e enxarca a pessoa em medicamentos que nos inícios até alivia mas depois nada faz , pelo contrario piora...
Isto é muito complicado...
eu estou triste pq uma pessoa conhecida minha fez essa loucura na semana passada , sofria de depressão desde sempre, nunca trabalhou e só se dedicou a "descansar "dessa maldita doença que precisa de descanço mas principalmente de ocupação para não haver espaço p pensamentos tão negativistas...
  Ainda há poucos anos atrás essas pessoas não tinham direito a cerimónias religiosas no funeral, eram as "fracas", "as que não tinham força de vontade", as que "descansavam" , espero que essa atitude inquisitorial, de "caça às bruxas" tenha acabado. Essa pessoa tua conhecida era um grande ser humano e como sou religioso sei que ele está junto a Deus. Era doente, como eu sou e só posso respeitar a sua memória e fazer que a sua família, os seus filhos se os tiver, compreendam que ele sofreu muito e foi um ser humano excepcional, tem direito a todas as honras . Para acabar com esse "martírio" temos que lutar, todos, por informações esclarecidas, com todo o arsenal de possibilidades que temos no século XXI, com todos os que dedicam o melhor da sua inteligência ao serviço dos outros, com todos os que diariamente estudam, pesquisam, fazem descobertas importantes . É preciso conhecer, ler, meditar a História das doenças mentais ao longo dos séculos para vermos a evolução extraordinária do seu tratamento e da sua humanização. Eu, felizmente, nasci no século XX e  consegui, com a ajuda de todos esses recursos "manter amordaçada" a minha depressão, é um trabalho de todos os dias . E é por isso que eu digo que é possível, é mesmo possível viver e ter sucesso a todos os níveis. Volto a dizer que não sou médico, nem terapeuta, nem farmacêutico, nem técnico de saúde, ou psicólogo e considero que todo e qualquer tratamento ou prescrição deve ser feita  por especialistas devidamente habilitados e credenciados a exercerem a sua atividade, pelas leis atualmente em vigor, no nosso país. P.S. Dedico este comentário ao meu avô, que não conheci, mas que admiro e amo de todo o coração .

ousadia

Mensagens : 37
Reputação : 3
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por heavenhell em Qui Out 10 2013, 22:29

O suícidio era considerado um pecado, era recriminado, e ainda é pela Igreja Católica devido a crença que só Deus pode dar e tirar a vida, um ser humano não tem esse direito/capacidade e para alguém fazer isso é um atentado as crenças que pregam. Daí ter sido sempre mal visto. O suícidio era considerado uma vergonha. Se virmos bem, de facto é um acto anti-natural, porque o ser humano nasce com instinto de sobreviência, os homens das cavernas não se matavam lol estavam preocupados em prolongar a existência da espécie, por isso imaginem o que é que se passa na cabeça de uma pessoa para ela conseguir de facto contrariar esse instinto tão forte e primitivo como é o instinto de sobrevivencia. :/ O grau de sofrimento que deverá sentir...

A depressão é um cancro mental, infelizmente ao contrario dos cancros fisicos é estigmatizado e ninguém percebe. Toda a gente sente pena de uma pessoa com cancro, mas uma pessoa deprimida é frequentemente e facilmente tida como egoísta, excêntrica, cabra por se isolar dos outros e parecer que não se preocupa, desinteressante, aborrecida, e sabe-se lá mais o que... Em vez de receber carinho e tratamento recebe desprezo. Mas pronto é melhor aceitar desde logo este facto: ninguém quer o fardo de cuidar de uma pessoa deprimida, por isso só podemos depender de nós neste assunto. 
Quando estava no auge da minha depressão afastei imensas pessoas, sentia-me magoada mas de algum modo - talvez pela intensidade das minhas reacções - em vez de me tentarem ajudar explusaram-me, estavam simplesmente fartos de me ouvir e quase perdi essas pessoas. Após algum tempo de afastamento voltei a contacta-las e recomecei o contacto so que desta vez guardo os meus problemas para mim e assim já não me expulsam. Não deixa de ser irónico, mesmo assim. Desde que sou criança que sempre ouvi toda a gente a dizer que era muito introvertida e devia falar com as outras pessoas sobre o que me incomodava porque falar faz bem e alivia, toda a gente dizia isso, os meus pais, psicologos, amigos, professores...Quando chegou o dia em que de facto me abri descobri que não era bem vinda lol. Aprendi a lição da contenção de sentimentos, uma pessoa que consegue guardar para si os seus sentimentos e controla-los é mais forte e menos vulnerável ao mundo. Mas menos humana. (Não é que alguém me tivesse dado a escolher lol)

heavenhell

Mensagens : 177
Reputação : 16
Data de inscrição : 22/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por ousadia em Sab Out 12 2013, 10:44

Heavenhell concordo e compreendo perfeitamente o teu comentário. Eu sempre escondi e escondo a minha distimia (e depressão), ninguém sabe a não ser a minha família, muito, muito chegada (e só há pouco tempo) e uma médica e dois médicos amigos de escola (dois, navegam nas mesmas águas, sim ! os médicos também adoecem e morrem), e uma amiga que também navega neste mar agitado. Mas, e é por isso que eu tenho a certeza que é possível "amordaçar" a depressão, estou  socialmente, culturalmente e economicamente acima da média, eu sempre consultei psiquiatras com nomes fictícios e longe de casa e tinha que andar 120km para fazer psicodrama . A depressão é, ainda, infelizmente um estigma e quem quiser lutar com todo o arsenal possível de "armas" contra esta doença (só há 3 anos, a médica minha amiga, me obrigou a considerar as nossas águas uma doença) tem de rodear-se de "mundo normal" e ter a sorte de encontrar um núcleo de amigos das mesmas águas, que não sejam fundamentalistas e "bebam" em todas as fontes. E, sou sincero, tu tens todo o potencial, Heavenhell, para seres feliz e realizares todos os sonhos, mas noto que estás como uma libelinha perdida, em volta de um lago com margens de várias matizes e sem ver o sol na folhagem da floresta... é só voar mais um bocado Smile

ousadia

Mensagens : 37
Reputação : 3
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por Vitor em Sab Out 12 2013, 11:24

ousadia escreveu:Heavenhell concordo e compreendo perfeitamente o teu comentário. Eu sempre escondi e escondo a minha distimia (e depressão), ninguém sabe a não ser a minha família, muito, muito chegada (e só há pouco tempo) e uma médica e dois médicos amigos de escola (dois, navegam nas mesmas águas, sim ! os médicos também adoecem e morrem), e uma amiga que também navega neste mar agitado. Mas, e é por isso que eu tenho a certeza que é possível "amordaçar" a depressão, estou  socialmente, culturalmente e economicamente acima da média, eu sempre consultei psiquiatras com nomes fictícios e longe de casa e tinha que andar 120km para fazer psicodrama . A depressão é, ainda, infelizmente um estigma e quem quiser lutar com todo o arsenal possível de "armas" contra esta doença (só há 3 anos, a médica minha amiga, me obrigou a considerar as nossas águas uma doença) tem de rodear-se de "mundo normal" e ter a sorte de encontrar um núcleo de amigos das mesmas águas, que não sejam fundamentalistas e "bebam" em todas as fontes. E, sou sincero, tu tens todo o potencial, Heavenhell, para seres feliz e realizares todos os sonhos, mas noto que estás como uma libelinha perdida, em volta de um lago com margens de várias matizes e sem ver o sol na folhagem da floresta... é só voar mais um bocado Smile
Olá Ousadia
Excepto casos raros, não considero a depressão uma doença. Na minha opinião tem que haver uma alteração biológica ou química para que seja considerada doença. A nível cerebral se fizerem exames a uma pessoa depressiva não encontram nada de diferente dos cérebros "normais". A questão da depressão vai para além do cérebro, das partes físicas do ser humano: A MENTE, o cérebro não é mais que o meio de comunicação da mente. É pena a psicanálise ainda estar pouco desenvolvida, mas acredito que no futuro será a grande ferramenta da psicologia.

_________________
As minhas intervenções neste forum não visam de modo algum substituir o acto médico. Baseiam-se na minha experiência pessoal, de participantes deste forum e de outros. Cabe a cada participante do forum procurar aconselhamento médico, psicólogo ou outro pessoal qualificado.
avatar
Vitor
Moderador
Moderador

Mensagens : 875
Reputação : 81
Data de inscrição : 18/01/2012
Localização : Algarve

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por heavenhell em Sab Out 12 2013, 13:06

Ola...

Vitor eu penso que haverá alterações fisiológicas, mas não sei se serão apenas alterações químicas, ou também anatómicas. Já cheguei a referir um estudo em que fizeram ressonâncias magnéticas a pessoas que tinham cometido suícidio e chegaram a conclusão que o cerebro delas tinha algumas diferenças anatómicas em relação ao considerado normal, sendo que todas elas tinham um historial de abusos. Agora a verdade é que actualmente não se faz exames de diagnóstico para disturbios mentais por isso é um diagnostico empirico, um pouco a adivinhar e só há tratamentos a focarem-se na química não ha nenhum que vá mais longe. 

Ousadia, tens razão ando a voar perdida...Tenho que voar mais longe o problema é que é dificil voar se não temos um guia, um mapa ou uma meta. Para onde vamos? Para onde o vento nos levar? Sera isso uma boa estratégia: deixar andar as coisas? a meu ver, há três tipos de pessoas: aquelas que tem controlo sobre a sua vida que vão a guiar o comboio, e depois há outros que ficam de fora a ver o comboio passar e há ainda aqueles, os passageiros que se deixam ser guiados por outros. Deixar andar as coisas por um lado é bom porque assim desocupamos a mente com planos sobre o futuro, eliminamos preocupações e vivemos o Agora. Isso é o segredo da felicidade que muitos budistas pregam, viver o Agora. Por outro lado, será que quando chegarmos a velhice não vamos olhar para trás com arrependimento e pensar "quem me dera ter feito aquilo agora já não posso"?
Tenho alguns colegas que sabem do meu "problema", sabem que tomo medicamentos mas só conto a pessoas que sei que possam compreender, por exemplo pessoas que eu sei que também sofrem de problemas de ansiedade. Ainda noutro dia um colega me contou assim sem grandes complexos (e já não o via a um ano) que andava a tomar antidepressivos e xanax. Isso conto, mas não ponho no mural do meu facebook lol, porque sei que há pessoas que nunca iam entender. Mas nem acho que seja isso o pior, parece que hoje em dia toda a gente tem um psicologo ou toma qualquer coisa. O que falo é que as pessoas não gostam de alguém deprimido. A mim não me estigmatizam só por eu tomar medicamentos e ir a psicologos, fazem-no quando eu começo a partilhar os meus problemas, porque é aborrecido estar a ouvir problemas dos outros. As pessoas preferem alguém com quem possam sair para se divertirem, não procuram relações muito profundas, parece que procuram todos fugir das suas vidas recorrendo a prazeres momentaneos.. Parece que andam todos a fugir de algo, no fundo o que eu fazia quando tomava xanax em excesso so para nao ter que estar acordada...

heavenhell

Mensagens : 177
Reputação : 16
Data de inscrição : 22/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UM EXTENSO ARTIGO SOBRE DEPRESSÃO

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum