Últimos assuntos
» Ansiedade/Fobia Social - Xanax Sintomas
Ontem à(s) 22:22 por Tiago Neves

» Meu diário enfrentando Depressão e TAG
Qui Mar 23 2017, 19:29 por Jana_10

» Sertralina
Qui Mar 23 2017, 18:48 por Convidado

» 194 dias sem Sedoxil!
Qui Mar 23 2017, 17:27 por Jana_10

» Meu relato de depressão...
Qui Mar 23 2017, 17:26 por Jana_10

» Ansiedade e ataques de pânico
Qua Mar 22 2017, 15:06 por MEB

» Fluvoxamina - efeitos secundários
Ter Mar 21 2017, 12:33 por 1006

» Porque sinto isto desta forma tão estranha?
Ter Mar 21 2017, 12:19 por sombraescura

» Em Nome do Pai, Em Nome do Filho
Seg Mar 20 2017, 00:44 por Vicent_Vega

» Falta de concentração e tonturas
Dom Mar 19 2017, 14:14 por Duarte

Quem está conectado
12 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 12 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 52 em Sab Fev 01 2014, 18:10

Boas, o meu desabafo.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Boas, o meu desabafo.

Mensagem por Diosil em Sex Dez 06 2013, 18:10

Boas a todos, estava a passear na net e á procura de uma explicação quando vi este forum, que, diga-se de passagem, vi logo que era ideal porque sofro bastante com ansiedade, e talvez hipocondria.

O meu caso é o seguinte, estava numa aula de historia quando tive o meu primeiro ataque de pânico, janelas fechadas, som do video que estávamos a ver muito alto, e de repente comecei a sentir-me bastante estranho, com falta de ar, até que tive de pedir ao stor para me deixar sair da aula, foi a primeira vez que me aconteceu algo do género, a partir daí, foi um descalabro.

1 ou 2 meses depois, após algum stress com uns amigos, acabei a discutir com uma rapariga (já tínhamos um passado recente, felizmente, 1 ano e tal após esse acontecimento, ficamos juntos), e mais tarde, fomos ao cinema (estávamos num grupo de 5), deu-me mais um e não consegui ver o filme, acabei a sair da sala ainda não tínhamos chegado ao final.

Mais alguns foram acontecendo, mas nos últimos 2 meses que se tem passado algo diferente, estava deitado na cama, debrucei-me para desligar a ficha que estava a carregar o telemóvel, quando me sinto tonto, como-se fosse desmaiar, fiquei assim uns segundos e fui para o pé dos meus pais que me tranquilizaram, mas a partir daí passei mal nas duas semanas seguintes, ritmo acelerado, dores no peito, chegava a controlar as pulsações varias vezes antes de me deitar... entretanto os meus pais falaram comigo, a minha mãe disse-me que não é indiferente pois já sofria com o mesmo, num espaço de 2/3 dias acalmou e deixei de lado.

Agora, na semana passada (3ª feira) tive uma panca bastante forte, meti na cabeça que estava com problemas de memoria(por me esquecer de umas palavras de vez em quando, o que sempre aconteceu e é normal), o que me levou á TERRIVEL(!) internet, pumba, meti logo na cabeça que estava com um Tumor cerebral, e desde então que tem sido o descalabro, basicamente senti que tinha problemas na leitura (por saltar uma ou outra palavra, raramente ou letra, acontecia mais quando me concentrava a ver se lia tudo sem problemas, sempre com o pensamento na cabeça), sexta de tarde enjoei no autocarro, e passei o resto do dia assim, deito-me e acordo todos os dias com medo de dores de cabeça e enjoo, passei uma ou outra noite mal com o nervosismo, tenho pequenos espasmos na cabeça as vezes, nos últimos dias (hoje não aconteceu, ontem apenas num período em que tive de ficar a espera que o meu irmão saísse da escola) quando saio de casa, sinto-me estranho (não me sinto tonto, nem desequilíbrio, apenas me sinto estranho, nem sei dizer se é despersonalização) e antes de ontem á noite vi que estava com um zumbido no ouvido, e desde ontem que estou com diarreia, e acordo levemente enjoado (sensação que, ontem passou de tarde e voltou de noite, hoje desapareceu antes do almoço e sinceramente tenho medo que volte), e pronto, embora tenha tirado a ideia da "falta de memoria" e de "leitura", o resto atormenta-me a cabeça, e não consigo parar de ir vezes sem conta á internet pesquisar sobre tumores, mesmo vendo coisas que me tranquilizam um bocado, não consigo tirar a ideia da cabeça, isto dá cabo de mim ainda para mais estou numa altura do ano que adoro, e não consigo estar bem, mesmo a minha namorada coitada leva por tabela, tenho sorte de ela ser uma rapariga 5 estrelas que me compreende, tem sido o meu grande apoio nestes casos.

Peço desculpa pelo testamento.

Ps: Deixei escapar outras coisas que sinto por vezes, sinto queimação no couro cabeludo por vezes, e noutras sinto a cabeça quente e como se tivesse uma faixa apertada em volta da cabeça.

Diosil

Mensagens : 2
Reputação : 0
Data de inscrição : 06/12/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas, o meu desabafo.

Mensagem por Vitor em Sex Dez 06 2013, 19:36

Diosil escreveu:Boas a todos, estava a passear na net e á procura de uma explicação quando vi este forum, que, diga-se de passagem, vi logo que era ideal porque sofro bastante com ansiedade, e talvez hipocondria.

O meu caso é o seguinte, estava numa aula de historia quando tive o meu primeiro ataque de pânico, janelas fechadas, som do video que estávamos a ver muito alto, e de repente comecei a sentir-me bastante estranho, com falta de ar, até que tive de pedir ao stor para me deixar sair da aula, foi a primeira vez que me aconteceu algo do género, a partir daí, foi um descalabro.

1 ou 2 meses depois, após algum stress com uns amigos, acabei a discutir com uma rapariga (já tínhamos um passado recente, felizmente, 1 ano e tal após esse acontecimento, ficamos juntos), e mais tarde, fomos ao cinema (estávamos num grupo de 5), deu-me mais um e não consegui ver o filme, acabei a sair da sala ainda não tínhamos chegado ao final.

Mais alguns foram acontecendo, mas nos últimos 2 meses que se tem passado algo diferente, estava deitado na cama, debrucei-me para desligar a ficha que estava a carregar o telemóvel, quando me sinto tonto, como-se fosse desmaiar, fiquei assim uns segundos e fui para o pé dos meus pais que me tranquilizaram, mas a partir daí passei mal nas duas semanas seguintes, ritmo acelerado, dores no peito, chegava a controlar as pulsações varias vezes antes de me deitar... entretanto os meus pais falaram comigo, a minha mãe disse-me que não é indiferente pois já sofria com o mesmo, num espaço de 2/3 dias acalmou e deixei de lado.

Agora, na semana passada (3ª feira) tive uma panca bastante forte, meti na cabeça que estava com problemas de memoria(por me esquecer de umas palavras de vez em quando, o que sempre aconteceu e é normal), o que me levou á TERRIVEL(!) internet, pumba, meti logo na cabeça que estava com um Tumor cerebral, e desde então que tem sido o descalabro, basicamente senti que tinha problemas na leitura (por saltar uma ou outra palavra, raramente ou letra, acontecia mais quando me concentrava a ver se lia tudo sem problemas, sempre com o pensamento na cabeça), sexta de tarde enjoei no autocarro, e passei o resto do dia assim, deito-me e acordo todos os dias com medo de dores de cabeça e enjoo, passei uma ou outra noite mal com o nervosismo, tenho pequenos espasmos na cabeça as vezes, nos últimos dias (hoje não aconteceu, ontem apenas num período em que tive de ficar a espera que o meu irmão saísse da escola) quando saio de casa, sinto-me estranho (não me sinto tonto, nem desequilíbrio, apenas me sinto estranho, nem sei dizer se é despersonalização) e antes de ontem á noite vi que estava com um zumbido no ouvido, e desde ontem que estou com diarreia, e acordo levemente enjoado (sensação que, ontem passou de tarde e voltou de noite, hoje desapareceu antes do almoço e sinceramente tenho medo que volte), e pronto, embora tenha tirado a ideia da "falta de memoria" e de "leitura", o resto atormenta-me a cabeça, e não consigo parar de ir vezes sem conta á internet pesquisar sobre tumores, mesmo vendo coisas que me tranquilizam um bocado, não consigo tirar a ideia da cabeça, isto dá cabo de mim ainda para mais estou numa altura do ano que adoro, e não consigo estar bem, mesmo a minha namorada coitada leva por tabela, tenho sorte de ela ser uma rapariga 5 estrelas que me compreende, tem sido o meu grande apoio nestes casos.

Peço desculpa pelo testamento.

Ps: Deixei escapar outras coisas que sinto por vezes, sinto queimação no couro cabeludo por vezes, e noutras sinto a cabeça quente e como se tivesse uma faixa apertada em volta da cabeça.
Olá Diosil
Bem vindo ao fórum. Sei que já estiveste a ler alguns relatos sobre a questão da ansiedade, ataques de pânico e hipocondria. Estas 3 patologias estão muito relacionadas entre si. Uma coisa deves meter na tua cabeça: a tua mente é muito poderosa e é capaz de criar o que não existe. O meu conselho é que utilizes ferramentas de modo a teres um melhor controlo sobre a tua mente. Também te digo que estas ferramentas levam o seu tempo a produzir efeito e devem ser utilizadas de modo sistemático e permanente. Estou a referir-me à meditação. Se nunca fizeste aconselho-te a consultares o tópico Ansiedade e ataques de pânico/Links e informações úteis. Outro conselho que te dou é não consultares nada dos teus sintomas na internet, porque encontras um que te acalma e dez que te deixa pior. Esquece a internet. Resiste a esse impulso de procurares textos na net que te possam acalmar-te ou dar-te conforto. Trabalha a tua mente de modo a não ser ela a tomar conta de ti.
Se precisares de algo mais estamos aqui para te ajudar.

_________________
As minhas intervenções neste forum não visam de modo algum substituir o acto médico. Baseiam-se na minha experiência pessoal, de participantes deste forum e de outros. Cabe a cada participante do forum procurar aconselhamento médico, psicólogo ou outro pessoal qualificado.
avatar
Vitor
Moderador
Moderador

Mensagens : 875
Reputação : 81
Data de inscrição : 18/01/2012
Localização : Algarve

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas, o meu desabafo.

Mensagem por Diosil em Sex Dez 06 2013, 23:15

Vitor escreveu:
Diosil escreveu:Boas a todos, estava a passear na net e á procura de uma explicação quando vi este forum, que, diga-se de passagem, vi logo que era ideal porque sofro bastante com ansiedade, e talvez hipocondria.

O meu caso é o seguinte, estava numa aula de historia quando tive o meu primeiro ataque de pânico, janelas fechadas, som do video que estávamos a ver muito alto, e de repente comecei a sentir-me bastante estranho, com falta de ar, até que tive de pedir ao stor para me deixar sair da aula, foi a primeira vez que me aconteceu algo do género, a partir daí, foi um descalabro.

1 ou 2 meses depois, após algum stress com uns amigos, acabei a discutir com uma rapariga (já tínhamos um passado recente, felizmente, 1 ano e tal após esse acontecimento, ficamos juntos), e mais tarde, fomos ao cinema (estávamos num grupo de 5), deu-me mais um e não consegui ver o filme, acabei a sair da sala ainda não tínhamos chegado ao final.

Mais alguns foram acontecendo, mas nos últimos 2 meses que se tem passado algo diferente, estava deitado na cama, debrucei-me para desligar a ficha que estava a carregar o telemóvel, quando me sinto tonto, como-se fosse desmaiar, fiquei assim uns segundos e fui para o pé dos meus pais que me tranquilizaram, mas a partir daí passei mal nas duas semanas seguintes, ritmo acelerado, dores no peito, chegava a controlar as pulsações varias vezes antes de me deitar... entretanto os meus pais falaram comigo, a minha mãe disse-me que não é indiferente pois já sofria com o mesmo, num espaço de 2/3 dias acalmou e deixei de lado.

Agora, na semana passada (3ª feira) tive uma panca bastante forte, meti na cabeça que estava com problemas de memoria(por me esquecer de umas palavras de vez em quando, o que sempre aconteceu e é normal), o que me levou á TERRIVEL(!) internet, pumba, meti logo na cabeça que estava com um Tumor cerebral, e desde então que tem sido o descalabro, basicamente senti que tinha problemas na leitura (por saltar uma ou outra palavra, raramente ou letra, acontecia mais quando me concentrava a ver se lia tudo sem problemas, sempre com o pensamento na cabeça), sexta de tarde enjoei no autocarro, e passei o resto do dia assim, deito-me e acordo todos os dias com medo de dores de cabeça e enjoo, passei uma ou outra noite mal com o nervosismo, tenho pequenos espasmos na cabeça as vezes, nos últimos dias (hoje não aconteceu, ontem apenas num período em que tive de ficar a espera que o meu irmão saísse da escola) quando saio de casa, sinto-me estranho (não me sinto tonto, nem desequilíbrio, apenas me sinto estranho, nem sei dizer se é despersonalização) e antes de ontem á noite vi que estava com um zumbido no ouvido, e desde ontem que estou com diarreia, e acordo levemente enjoado (sensação que, ontem passou de tarde e voltou de noite, hoje desapareceu antes do almoço e sinceramente tenho medo que volte), e pronto, embora tenha tirado a ideia da "falta de memoria" e de "leitura", o resto atormenta-me a cabeça, e não consigo parar de ir vezes sem conta á internet pesquisar sobre tumores, mesmo vendo coisas que me tranquilizam um bocado, não consigo tirar a ideia da cabeça, isto dá cabo de mim ainda para mais estou numa altura do ano que adoro, e não consigo estar bem, mesmo a minha namorada coitada leva por tabela, tenho sorte de ela ser uma rapariga 5 estrelas que me compreende, tem sido o meu grande apoio nestes casos.

Peço desculpa pelo testamento.

Ps: Deixei escapar outras coisas que sinto por vezes, sinto queimação no couro cabeludo por vezes, e noutras sinto a cabeça quente e como se tivesse uma faixa apertada em volta da cabeça.
Olá Diosil
Bem vindo ao fórum. Sei que já estiveste a ler alguns relatos sobre a questão da ansiedade, ataques de pânico e hipocondria. Estas 3 patologias  estão muito relacionadas entre si. Uma coisa deves meter na tua cabeça: a tua mente é muito poderosa e é capaz de criar o que não existe. O meu conselho é que utilizes ferramentas de modo a teres um melhor controlo sobre a tua mente. Também te digo que estas ferramentas levam o seu tempo a produzir efeito e devem ser utilizadas de modo sistemático e permanente. Estou a referir-me à meditação. Se nunca fizeste aconselho-te a consultares o tópico Ansiedade e ataques de pânico/Links e informações úteis. Outro conselho que te dou é não consultares nada dos teus sintomas na internet, porque encontras um que te acalma e dez que te deixa pior. Esquece a internet. Resiste a esse impulso de procurares textos na net que te possam acalmar-te ou dar-te conforto. Trabalha a tua mente de modo a não ser ela a tomar conta de ti.
Se precisares de algo mais estamos aqui para te ajudar.
Obrigado pelo conselho, é algo que vou ver. Smile 

Diosil

Mensagens : 2
Reputação : 0
Data de inscrição : 06/12/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Boas, o meu desabafo.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum