Últimos assuntos
Quem está conectado
19 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 19 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 52 em Sab Fev 01 2014, 18:10

Alta psiquiátrica

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 10:46

Como não sabia onde colocar o tópico fica por aqui  Very Happy 

sábado fui à psicóloga, e o diagnóstico foi...... alta  bounce 

ontem fui à psiquiatra e o diagnóstico foi.......... alta  bounce 


hoje começo com o desmame do triticum, pois o desmame do prozac foi feito no ultimo mês...

com isto quero dizer-vos a todos sem excepção, para aqueles que me acompanham desde o início e os outros que não me conhecem, este espaço de ajuda e partilha ajudou-me muito.

foi aqui que encontrei um sítio onde todos falavam do mesmo e bem ou mal entendemo-nos...

foi por aqui que também passei maus momentos, cuidado quando chegarem aqui por curiosidade, pesquisa desenfreada por sintomas etc, a mente procura sempre forma de estar ocupada, mas para nós que precisamos parar de pensar repetitivamente, por vezes piora a situação ler algumas coisas ...

se tiverem controlo sobre as vossas acções e pensamentos repetitivos não se preocupem pois apenas aprenderão algo mais acerca do cão negro chamado depressão.
se não controlarem nada, o excesso de informação e histórias negativas pode levar-vos para o fundo do poço.

isto de ter altas é muito bonito e tal mas agora sim começa a luta, praticar o que se aprendeu, usar e abusar das ferramentas psicológicas para controlar a falta dos químicos e afins.

estou a escrever o livro do qual já tive oportunidade de falar aqui, assim que esteja pronto será disponibilizado o link do mesmo apenas para o fórum, será um resumo alargado daquilo pelo qual passei, mas muito focado em posts deste mesmo fórum, com os vossos comentários e participações, não se preocupem que não serão expostos os nicks nem dados pessoais...

obrigado a todos pela força e ajuda, ficarei por cá para ajudar como me for possível.


_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por Vitor em Sex Jul 18 2014, 11:28

Força mrbombas! Smile
Tem sido muito boa a tua intervenção neste fórum. Continua nesse bom caminho porque o "cão negro" está perdendo a cor e tornando-se num "cão branco".

Agora não te esqueças de ir devagar com esse Tricticum. Smile

Estou um pouco admirado como tomaste Prozac em conjunto com o Tricticum quando na bula deste está o seguinte:

"Fluoxetina
Foram notificados casos raros de níveis plasmáticos elevados de trazodona e efeitos
secundários quando a trazodona foi associada à fluoxetina. Não se pode excluir uma
interação farmacodinâmica (síndrome serotoninérgica)."

Mas como o Prozac já faz parte do passado, agora é acabar com o que falta e boa sorte! Smile



_________________
As minhas intervenções neste forum não visam de modo algum substituir o acto médico. Baseiam-se na minha experiência pessoal, de participantes deste forum e de outros. Cabe a cada participante do forum procurar aconselhamento médico, psicólogo ou outro pessoal qualificado.

Vitor
Moderador
Moderador

Mensagens : 875
Reputação : 81
Data de inscrição : 18/01/2012
Localização : Algarve

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 11:49

pois, eu também li isso mas confiei e acreditei na sabedoria desta psiquiatra, e realmente ela acertou nas doses e nos tempos de tratamento... mas também dizem que são casos raros  Laughing 


_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

hipersensibilidade à medicação

Mensagem por sereia_encantada em Sex Jul 18 2014, 12:49

Bom dia mrbombas,

Eu tenho receio de ter que ser internada, mas se for o melhor para mim.
Comigo o mais preocupante é que sou hiper sensível à medicação, necessitando de tempo considerável para me adaptar r perceber se esta está a sortir efeitos. Contudo, e como já referi, como não tenho suporte familiar, fico muito "perdida" com alterações medicamentosas. Não me posso dar ao luxo de ficar com a minha vida completamente disfuncional.
Por isso, pondero a hipótese de internamento.

Muita força  e coragem! O cão branco vai vencer seguramente.

sereia_encantada

Mensagens : 62
Reputação : 4
Data de inscrição : 13/07/2014
Localização : Porto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

A LENDA DO LOBO BOM VERSUS LOBO MAU

Mensagem por sereia_encantada em Sex Jul 18 2014, 12:51

A LENDA DO LOBO BOM VERSUS LOBO MAU

“Uma noite, um velho índio falou ao seu neto sobre o combate que acontece dentro das pessoas.
Ele disse:
– A batalha é entre os dois lobos que vivem dentro de todos nós. Um é Mau. É a raiva, inveja, ciúme, tristeza, desgosto, cobiça, arrogância, pena de si mesmo, culpa, ressentimento, inferioridade, mentiras, orgulho falso, superioridade e ego.
O outro é Bom. É alegria, fraternidade, paz, esperança, serenidade, humildade, benevolência, empatia, generosidade, verdade, compaixão e fé.
O neto pensou nessa luta e perguntou ao avô:
– Qual lobo vence?
O velho índio respondeu:
– Aquele que você alimenta!”

Essa historinha é muito simbólica. Os dois lobos são as nossas emoções positivas e negativas. Essas nossas emoções são causadas pela nossa forma de pensar, portanto, o lobo que alimentamos é uma escolha nossa. Às vezes temos a impressão que o mundo nos virou as costas e que todas as coisas ruins só acontecem conosco, no entanto isso pode não ser uma verdade absoluta, mas como nós entendemos os fatos. Se pensarmos que as pessoas são ruins e que querem nos prejudicar, enxergaremos o mundo com essas lentes e provavelmente encontraremos evidências que reforcem essa idéia, mesmo que ela não seja verdade. Essas idéias negativas nos proporcionarão emoções negativas de tristeza, raiva,vingança …. No entanto, mesmo tendo vivenciado algo ruim podemos entender que foi um azar, ou que as pessoas que nos proporcionaram algum mal, não o fizeram intencionalmente… Se pensarmos assim estaremos flexibilizando nossos pensamentos e alimentando o nosso lobo bom que nos trará emoções positivas. Essa atitude nos proporcionará um círculo virtuoso. Pensar bem nos faz sentir bem e agir bem. Que tal experimentar alimentar o lobo bom dentro de você?"

sereia_encantada

Mensagens : 62
Reputação : 4
Data de inscrição : 13/07/2014
Localização : Porto

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por AnaRita em Sex Jul 18 2014, 14:07

Boa! Muitos Parabéns!  Continua assim cheers 

AnaRita

Mensagens : 192
Reputação : 27
Data de inscrição : 06/03/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 16:09

sereia_encantada escreveu:Bom dia mrbombas,

Eu tenho receio de ter que ser internada, mas se for o melhor para mim.
Comigo o mais preocupante é que sou hiper sensível à medicação, necessitando de tempo considerável para me adaptar r perceber se esta está a sortir efeitos. Contudo, e como já referi, como não tenho suporte familiar, fico muito "perdida" com alterações medicamentosas. Não me posso dar ao luxo de ficar com a minha vida completamente disfuncional.
Por isso, pondero a hipótese de internamento.

Muita força  e coragem! O cão branco vai vencer seguramente.

não li ainda a tua história, mas de uma coisa podes ter certeza, o internamento é só para piorar a situação financeira e emocional, não vais enfrentar os medos, receios, angústias... quando acabar o internamento vais ficar frustrada porque simplesmente a tua vida continua igual...

o suporte familiar normalmente nestas situações só surge dos mais próximos, cônjuge e pouco mais, mesmo assim tem muitos completamente sozinhos na luta embora rodeados proximamente pela família. tudo porque não compreendem, por ignorância ou simplesmente por medo do resultado final... ninguém gosta de ouvir dizer que um familiar está com depressão pelo facto de estar associado a suicídio, por isso temos que dar um desconto....

não estás sozinha, somos nós a tua família...

_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 16:10

AnaRita escreveu:Boa! Muitos Parabéns!  Continua assim cheers 

obrigado e tu como andas?

_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por HugoSousa em Sex Jul 18 2014, 21:09

Possas pá que susto  Shocked 

Vê lá tu que li o titulo como Ala Psiquiátrica Razz 

(tenho de trocar os comprimidos por ampolas Embarassed )


Boa pá Cool 

mrbombas escreveu: isto de ter altas é muito bonito e tal mas agora sim começa a luta, praticar o que se aprendeu, usar e abusar das ferramentas psicológicas para controlar a falta dos químicos e afins.

Dá-lhe  Wink 

HugoSousa

Mensagens : 120
Reputação : 22
Data de inscrição : 28/03/2014
Localização : Oeiras

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 21:45

Acaba é com isso... Em ampolas vais achar que morri...
 tongue 

_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por AnaRita em Sex Jul 18 2014, 22:37

mrbombas escreveu:
AnaRita escreveu:Boa! Muitos Parabéns!  Continua assim cheers 

obrigado e tu como andas?

Estou melhor, estou "bem". As imagens daquele dia e as palavras dele continuam a ecoar-me na memória, mas já não conseguem corroer-me tanto, muitas coisas melhoraram, mas há momentos em que a angústia se mantém.
Vou confessar, há 3 meses que não vou ao psiquiatra, sei que não o devia fazer... maz fiz. Não sei se por não sentir tanto a falta dele, se por medo de que ele me continue a remexer por dentro... de qualquer forma, já voltei a marcar consulta.
Continuo com a medicação, que espero deixar "em breve" (ao fim dos 6 meses).

Obrigado por perguntares Wink

Boa sorte para ti. Agarra-te agora às ferramentas que conquistaste.


Última edição por AnaRita em Sex Jul 18 2014, 22:42, editado 1 vez(es)

AnaRita

Mensagens : 192
Reputação : 27
Data de inscrição : 06/03/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por mrbombas em Sex Jul 18 2014, 22:40

Penso que precisas de uma psicóloga...

_________________
distorções cognitivas

mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Alta psiquiátrica

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 23:29


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum