Últimos assuntos
» O meu relato.
Hoje à(s) 11:14 por 1006

» Literatura
Ontem à(s) 21:44 por viper

» Clínica da Mente - Alerta com base na minha (má) experiência
Ontem à(s) 20:54 por viper

» Victan - desmame-
Ter Fev 21 2017, 23:13 por viper

» Hipnose Condicionativa
Ter Fev 21 2017, 11:57 por caferreira

» Preciso da vossa opinião
Seg Fev 20 2017, 21:10 por twiggysp

» LINKS, INFORMAÇÕES ÚTEIS E NOVIDADES
Sab Fev 18 2017, 21:20 por 1006

» Urgente!!!! Gotas
Sab Fev 18 2017, 20:06 por Brick

» Redenção e Incompreensão
Sab Fev 18 2017, 14:19 por 1006

» Eu tenho uma síndrome?
Qui Fev 16 2017, 20:03 por viper

Quem está conectado
17 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 16 Visitantes

viper

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 52 em Sab Fev 01 2014, 18:10

Ataques de pânico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ataques de pânico

Mensagem por pjmartins em Sex Ago 01 2014, 10:10

Bom dia a todos

Sou novo neste Fórum e venho aqui relatar os meus problemas, esperando a vossa ajuda.

Alguém já teve problemas ao conduzir, tipo ataques de pânico em pontes, autoestradas e túneis ? Esta situação leva-me a ir por outros caminhos mais longos com medo de passar por eles.
O que sinto são as pulsações a aumentar, a garganta parece que fecha e fica um nó, não consigo engolir e visão turva.
Quando passo a situação, o problema simplesmente desaparece em minutos.

Esta situação, nova para mim, está a condicionar o meu desempenho profissional.

Obrigado a todos

pjmartins

Mensagens : 3
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por Pedro_S em Sex Ago 01 2014, 11:06

Eu tenho ataques de pânico a conduzir em autoestradas e pontes, principalmente a ponte 25 de Abril. O coração começa a acelerar, as mãos a suar, dificuldade em respirar, o corpo fica gelado, sinto os braços e pernas a paralisar e parece que a qualquer momento vou perder o controle do carro e que vai ficar descontrolado. É horrível. Nunca tive nada disto após tirar a carta, conduzia para todo o lado, fazia muitos kms por ano, já tenho carta há 15 anos e só agora após a última recaida é que me apareceu esta fobia.

Não tenho enfrentado o problema, tenho evitado andar no carro e começei a usar mais os transportes públicos.

_________________
"Dura lex, sed lex"

Pedro_S

Mensagens : 381
Reputação : 33
Data de inscrição : 09/02/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por pjmartins em Sex Ago 01 2014, 11:12

Pois eu moro em almada....e a ponte 25 de abril...é um pesadelo
Tenho carta há 20 anos
O pior é que me aconteceu igual indo de transportes públicos


pjmartins

Mensagens : 3
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por Pedro_S em Sex Ago 01 2014, 12:02

E se fores ao lado com outra pessoa a conduzir, consegues passar bem a ponte 25 de abril por exemplo? Eu se não for eu a conduzir consigo passar bem.

_________________
"Dura lex, sed lex"

Pedro_S

Mensagens : 381
Reputação : 33
Data de inscrição : 09/02/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por sketch em Sex Ago 01 2014, 12:13

Eu também tenho essa fobia, é agorafobia. Enfim... não é nada fácil.
No meu caso tb inclui andar de avião ou de transportes públicos sozinha para locais longe da minha zona de conforto.
Condiciona a minha vida mesmo. Mas já sinto isso desde criança, abrandou na adolescência dp voltou no início da idade adulta.
Ainda agora, fui de férias com o meu marido. Fomos de estrada para o interior alentejano e dp daí p o litoral alentejano. Foi um sacrifício para mim. Mas mesmo assim fui eu q escolhi os locais pq queria tanto ir a esses sítios. Vários km's numa estrada no fim do mundo onde não se vê quase passar um carro, não se vê uma casa. Que tortura.
Sem notar começo a hiperventilar e aí vem a falta de ar e os membros a tremer.
Já fiz psicoterapia mas deixei por falta de dinheiro.
Tenho tido altos e baixos. Há anos que não me enfiava num avião e o ano passada com umas drogas em cima lá fui.
pjmartins se para ti isto tudo é novo tens grandes possibilidades de ficar bem. Smile Procura um psicólogo que tenha experiência em terapia cognitivo-comportamental. Força! Smile

sketch

Mensagens : 491
Reputação : 53
Data de inscrição : 23/01/2012
Idade : 37
Localização : Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por FSL em Sex Ago 01 2014, 14:11

sketch escreveu:
Ainda agora, fui de férias com o meu marido. Fomos de estrada para o interior alentejano e dp daí p o litoral alentejano. Foi um sacrifício para mim. Mas mesmo assim fui eu q escolhi os locais pq queria tanto ir a esses  sítios. Vários km's numa estrada no fim do mundo onde não se vê quase passar um carro, não se vê uma casa. Que tortura.

Isso é tão mau, nem se consegue aproveitar as coisas  Sad 
Não se pode viver assim...

sketch escreveu:pjmartins  se para ti isto tudo é novo tens grandes possibilidades de ficar bem. Smile Procura um psicólogo que tenha experiência em terapia cognitivo-comportamental. Força! Smile

É sobre isso que queria falar um bocadinho. Realmente a sketch tocou numa ferramenta que pode fazer imensa diferença nestes quadros de fobias patológicas e que tanto limitam a vida das pessoas.

Eu coloquei noutro tópico (ninguém respondeu, talvez não tenham dado muito valor), um tratamento cognitivo-comportamental, criado por um psicólogo norte-americano que procura tratar/atenuar a fobia social (também se aplica a agorafobia e quadros semelhantes).

Eu vou na 3ª semana e sinceramente estou muito bem impressionado com o que tenho aprendido. Muito resumidamente vou deixar aqui as técnicas que é suposto uma pessoa aprender nas 3 primeiras sessões com a prática regular (é suposto demorar várias semanas de prática, pois só assim o nosso cérebro aprende novos comportamentos).

 Arrow SLOW TALK - Técnica que consiste em abrandar o nosso discurso, para um discurso mais lento e pausado. Pretende-se que o individuo ao praticar o SLOW TALK entre num modo de maior relaxamento (pois falar devagar produz uma resposta imediata de descontração).

 Arrow Identificação e suspensão de pensamentos automáticos negativos - Automatic Negative Thougths (ANTS) - Este psicólogo afirma que todas as pessoas que possuem estas fobias desenvolvem um discurso interno negativo e estão constatemente a ser atacados por pensamentos fóbicos intrusivos: "vou morrer", "vou passar mal", "vou tremer das mãos", "vou desmaiar".
Aqui pretende-se que numa primeira fase a pessoa identifique estes pensamentos sempre que eles ocorrerem e numa segunda fase que os suspenda.

 Arrow Eliminação das ANTS por meio de introdução e reestruturação do pensamento - Introduzir um discurso contrário ao discurso das ANTS sempre que elas apareçam. Tipo:

"Estes pensamentos não são racionais, nada de mal me vai acontecer. Estes pensamentos são apenas imaginação minha e visam por-me em baixo. Não vou deixar mais que isto aconteça. Não vou deixar que estes pensamentos me dominem. Eu estou seguro em todas as ocasiões, etc etc..."

e por aí vai...

Penso que a pessoa que criou isto é muito terra-a-terra pois ele não pára de frisar que para estas técnicas resultarem é preciso duas coisas: Muita prática e muita paciência pois não é suposto curar-mos em poucos dias ou mesmo em poucas semanas.

Aquilo são 20 sessões para serem feitas uma a cada semana.

Eu sei que existe muitas pessoas que nem sequer querem ouvir falar nestas coisas, porque simplesmente deixaram de acreditar. Há quem ache que os psicólogos e etc é tudo treta e que só nós podemos nos desenrascar. Em parte também já acreditei muito assim, mas acho que não podemos ter a mente sempre fechada. Há coisas com qualidade e que foram feitas sem más intenções.

E eu não ganho nenhuma comissão  Laughing

_________________
Desmame de dose inicial de 10mg de Escitalopram e 3.0mg de Bromazepam:
Outubro 2015 9mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam ----- Novembro 2015 8,1mg of Escitalopram 3.0mg de Bromazepam
Marco 2016 5mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam ---- Julho 2016 2,70mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam
Agosto 2016 2,42mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam --- Setembro 2016 2,27mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam --- Outubro 2016 2,12mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam --- Novembro 2016 1,97mg de Escitalopram 3.0mg de Bromazepam

FSL

Mensagens : 518
Reputação : 73
Data de inscrição : 05/07/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por bichobrabo em Sex Ago 01 2014, 14:13

Pesquisa sobre como lidar com ataques de pânico. Há uma série de estratégias que podes aplicar.

Há grande probabilidade de resolveres a situação sem recorreres a um tratamento psiquiátrico convencional.

Se a expopsição à situação que provoca ansiedade fosse esporádica, poderias recorrer a uma benzodizepina, Mas se é todos os dias, não o faças porque o tratamento com estes medicamentos deve ser muito curto.

Experimenta igualmente exercício físico. Pode ajudar a ultrapassar a fobia.

bichobrabo
Moderador
Moderador

Mensagens : 1507
Reputação : 131
Data de inscrição : 30/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ataques de pânico

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum