Últimos assuntos
Quem está conectado
13 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 13 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Qui Maio 25 2017, 20:26

Há motivos de preocupação?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Há motivos de preocupação?

Mensagem por emanoellex em Dom Jan 15 2012, 08:18

Ontem à noite, eu, duas amigas(Maria e Ana) e mais alguns conhecidos fomos à casa de um amigo nosso, o (João). Já tínhamos tido esse tipo de reunião várias vezes na casa dele. Como sempre, a Maria bebeu e fumou narguilé e a Ana bebeu e fumou também, mas ficou muito mais alterada que a outra. Elas pularam na piscina, dançaram etc., como de costume. Quando estavam molhadas, elas resolveram ficar dentro da casa, porque estava mais quentinho, e eu fui também. Da sala, pude ver no fim do corredor um altar com uma imagem de Jesus e um terço e eu brinquei falando "esse é o altar que atraía espíritos, João?". Ele falou baixo pra mim "nem brinca com isso, que tu sabe como a Ana é. Lembra o que ela fez em 2009?"
Foi só ele sair que a Ana fingiu estar tendo convulsões, mas logo parou e riu. Pensei que ela estava bêbada, mas saí da casa porque ela podia me assustar mais. Assim que cheguei no quintal, a Ana saiu correndo da casa e gritando "corre Maria, corre" e sentou no colo do João e começou a chorar aos poucos. Quando todos notaram que ela estava chorando, ela começou a falar "eu quero sair daqui, quero sair daqui" e nós pensamos que ela estava bêbada e tentamos colocá-la embaixo do chuveiro. Mas ela começou a gritar mais alto que queria ir embora e a se debater. Quando a Maria(já sóbria) ficou perguntando o que era, ela ficou gritando e chorando "você não acredita em mim!!". Achamos que ela só ia se acalmar se saíssemos de lá, então o João foi nos levar em casa. Foi fácil colocar ela no carro, pois apesar de ela estar gritando coisas como "ela não te quer aqui!! Ela vai te matar!!", também estava chorando e deitou no meu colo no banco de trás. Durante metado do caminho ela foi choramingando que estava com medo, daí lembrando do ocorrido em 2009 eu tive a brilhante ideia de perguntar se ela queria rezar. Ela fez que sim com a cabeça e eu comecei a rezar o Credo. Aí ela começou a se debater e gritar e urrar, arranhar tudo etc.
Quando chegamos na frente do prédio dela, a Maria foi chamar os pais dela enquanto eu e o João tentávamos acalmá-la e segurá-la pra ela não machucar a gente nem ela mesma. Ela alternava esses ataques com uns momentos que ela chorava, pedia desculpas, dizia que não conseguia se controlar e chegou a chamar pela tia Neide(é uma tia espírita dela). Os pais dela não estavam em casa, mas uma vizinha acordou e desceu pra tentar falar com ela enquanto nós a segurávamos. Muita gente acordou e quando os pais dela chegaram, eu saí do carro, a mãe dela acalmou ela um pouco e eles levaram-na ao hospital. Não chegaram a entrar, com medo de que a internassem na ala psiquiátrica ou algo assim, porque para eles era algum problema espiritual. Não sei o que eles fizeram depois, mas sei que hoje ela já estava melhor. Eu li sobre surtos psicóticos e vi que pode ser induzido por álcool em alguém que tenha uma mente frágil, mas que nesse caso é temporário. Minha mãe também concordou que pode ter sido isso, visto o histórico da Ana.
A questão é: Pelo que descrevi, isso foi mesmo um surto psicótico? E se sim, devo falar aos pais dela que pode ter sido isso? Porque eu acho que eles trataram o caso como se fosse uma possessão ou algo assim, mas se for a minha suspeita, isso pode acontecer de novo, não?
avatar
emanoellex

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 14/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

ha motivos para preocupação??

Mensagem por zeta em Dom Jan 15 2012, 11:08

Emanoellex

È bem complicado e esquisito, mas eu atribuiria esse ataque estranho ao efeito do alcool e talvez ela tome alguma outra medicação....

Nunca conheci caso igual ou parecido a esse, mas a tua amiga precisa consultar para tentar compreender o que realmente tem, pois de normal não tem nada.

Boa sorte
avatar
zeta
Moderador
Moderador

Mensagens : 884
Reputação : 121
Data de inscrição : 07/07/2011
Idade : 47
Localização : Guimaraes

Ver perfil do usuário http://rosette27.webnode.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Há motivos de preocupação?

Mensagem por bichobrabo em Dom Jan 15 2012, 12:40

Se se voltar a repetir é que poderá ser preocupante.

Há drogas que podem desencadear surtos psicóticos e até esquizofrenia nalgumas pessoas. Não tem a ver com "fragilidade".
avatar
bichobrabo
Moderador
Moderador

Mensagens : 1507
Reputação : 131
Data de inscrição : 30/10/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Há motivos de preocupação?

Mensagem por Brick em Dom Jan 15 2012, 16:22

concordo com o que foi dito até agora e até me fez lembrar a cena de carlos castro e renato seabra.
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5402
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Há motivos de preocupação?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum