Últimos assuntos
Quem está conectado
16 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 16 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Qui Maio 25 2017, 20:26

“Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

“Não sou nadaNunca serei nadaNão posso querer ser nada”

Mensagem por Vicent_Vega em Qui Abr 30 2015, 23:32

Conto com vinte e sete anos de existência que são como um balão cheio de ar, ou uma garrafa de vidro de um refrigerante deixado na mesa após o fim de um almoço –aquele restinho de desprezo que fica no fundo, sem gás, morto... – e pronto, já chega... não dá mais, que estas metáforas foleiras alimentam a minha auto-comiseração ininterrupta, mas ferem o que se salvaguarda de bom-gosto.
Tinha mais vontade de titular este texto do que escrevê-lo propriamente. Mas se não o escrever, titulo o quê? Sempre posso discorrer aqui uma sucessão de títulos...
“Não vales uma merda”
“Decretado um estado de estupidez crónica, azar latente e inércia total!”
“Vincent Vega ou Diário de um Fracassado”
“Fraco, Estúpido e Mole”
“A Lei de Murphy – Um Estudo de Caso”
“Nasce outra vez ou morre!”
“O Amor é o Ridículo da Vida (por Cazuza)”
“Não há grito que esvazie esta cabeça de chumbo!”
“Independência ou Morte! (por D.Pedro)”
E podia perder-me nisto. A ideia de cair a fundo em qualquer coisa, soa como um suave veneno. Ou talvez antes um veneno suave. Como enlouquecer, mas ficar feliz dentro da minha loucura. Será que isso é sequer possível? Uma doença da felicidade. Perder a noção do que é real, do mundo externo, e criar uma realidade paralela, vivendo lá para sempre, alheio a tudo cá fora.
Enfim, deslizei demasiado longe na divagação e certamente enlouquecer mais e mais não é o caminho.
Que raio de caminho(s) será(ão) esse(s) então? É que, muitas vezes chego à conclusão de que não faço a menor ideia. Poderia jurar que tenho tentado melhorar, mas se tentar listar resultados não tenho nada de firme a apresentar.
E a realidade, essa atropela-me forte e feio com pancadas vindas de todos os lados. E sinto-me preso, todos os gritos para dar e a boca amordaçada. E sinto também – e isto não é só importante, como basilar – que se alguém sopra à minha frente eu recebo um furacão deste lado de cá. Sinto-me sem defesas. O meu estômago é de papel, minha auto-estima de cristal. Às vezes parece-me ser tão fácil atingir-me que não sei como não me auto-destruo de uma vez antes de dar esse prazer a algum desses muitos seres perversos que andam por aí.

E sabem que mais? Sinto-me apaixonado. Já escrevi sobre isso aqui. Talvez não haja frase mais potente e ridícula no mundo mas SINTO-ME APAIXONADO. Por uma menina que me contorna sorridente – sempre o mesmo sorriso, que pertence a mim mas também a todos – e cheia de graça, doce e deslizante, e tão inacessível.

Pessoa, dai-me a tua paciência condescendente para te adaptar ridiculamente:

Não é minha
Nuca será minha
Não posso querer que seja minha
À parte isso, desejo-a com todas as minhas forças

Há poucas coisas piores para pessoas como eu do que apaixonarem-se. Nunca me sinto tão pequeno. Sinto que sou o maior lixo da história da Humanidade. Ponho o alvo da minha paixão num altar, depois comparo-me a esse modelo luminoso, e sinto-me um autêntico lixo. Lixo, lixo, lixo!!! Morte ao lixo humano!

Ok. Eu realmente não devia estar a pensar nela. Tendo em conta que o contabilista apareceu a dizer que o perigo mora por aí, que eu posso vir a ter sérios problemas, fruto deste esquema deste restaurante que é o caos completo criado pelo meu pai – que é um paranóico, bruto, egoísta que atira sempre as culpas em quem estiver à volta –, bem talvez (talvez!) eu devesse estar a pensar só nisso e na faculdade que eu (hahaha!) queria mesmo tentar terminar este ano (hahaha!). Talvez!

Fico tonto. Não sei talvez vá embebedar-me até adormecer. O Bukowski sim, é que era mesmo o maior. Espero é não ficar indisposto, nem que me suba a tensão, só mesmo dormir. Dormir e não sonhar. Porque esta gente toda vai ocupar os meu sonhos e então os sonhos não serão sonhos mas pesadelos.

Vou acabar o texto. Quem conseguiu aqui chegar deve estar a pensar “Foda-se, como este gajo odeia-se”. Sim, senhor! Parabéns! 20 valores!



Moral da história:
Não queiram nada, não sonhem com nada, não desejem nada. Eu cá, se pudesse, seria uma samambaia.

Vicent_Vega

Mensagens : 38
Reputação : 6
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Cu de Judas

Ver perfil do usuário http://o-homem-no-escafandro.blogspot.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por mrbombas em Sex Maio 01 2015, 00:29

Hoje baixaste o nível de qualidade, escreve para ela e arranja forma de lhe mostrar...
Podes ter uma bela surpresa...

_________________
distorções cognitivas
avatar
mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por felipe trindade em Sex Maio 01 2015, 17:08

Diante de tudo isso, pelo menos tens a noção de que pensas assim porque condicionou sua mente a pensar assim?

Se perceberes isso, despertaras sua real essência.

Se quiser trocar ideias sobre isso por favor entre em contato
fe_genji@hotmail.com


Paz e luz !!!

felipe trindade

Mensagens : 14
Reputação : 1
Data de inscrição : 13/12/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por Vicent_Vega em Qua Maio 13 2015, 19:52

Obrigados pelos comentários.
Eu sei que o começo da mudança devia partir da base do meu pensamento. Eu sei que penso mal de mim mesmo constantemente. Passo os dias a bater-me mentalmente. Sei que seria isso a primeira coisa a mudar. Mas é fucking difícil. Bem que procuro algum botão, mas não encontro.


ESTOU COM UM PROBLEMA!

Tive de adiar a minha última consulta com a minha psiquiatra porque tive de ir trabalhar, só que esqueci-me do pormenor de a medicação que eu tenho ser limitada.

Perdi o número de tel da psiquiatra. Fui aos serviços médicos da universidade e a médica agora só volta a dar consultas no dia da minha próxima consulta. Só que eu já não tenho paroxetina já para amanhã.

Fui até um outro lugar onde sei que a médica trabalha também. Não estava. Expliquei a uma senhora que lá trabalhava o meu problema. Deixei o meu número, nome, medicamento que tomo, etc. Mas amanhã trabalho, tenho de ir para cu de judas. Não tenho como dizer ao meu pai que preciso ficar por causa do meu antidepressivo pq ele nem deve sonhar. Também inventar alguma coisa é complicado. Só uma coisa muito séria o ia fazer deixar-me ficar. E ele anda bruto, agressivo, intratável como tudo. Dispensava.

Mas, amanhã, iria interromper abruptamente o tratamento com a paroxetina. Andava a tomar 30 mg por dia. Na última semana e meia reduzi para 20 mg para também tentar poupar os comprimidos. Só que acabou.

Há um lado meu também que quer que eu vá amanhã para cu de judas. Eu odeio profundamente tudo aquilo, a esmagadora maioria das pessoas, desprezo tudo aquilo, excepto a tal rapariga. Ela amanhã trabalha (depois só domingo), o que faz parte de mim desejar ir para aquele inferno para vê-la pelas 3 horas e pouco que ela lá está.

Enfim... só estou é com receio dos efeitos que a ausência repentina da paroxetina possa causar.


Quem me sabe dizer alguma coisa concreta sobre o assunto (interrupção de paroxetina)?

Vicent_Vega

Mensagens : 38
Reputação : 6
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Cu de Judas

Ver perfil do usuário http://o-homem-no-escafandro.blogspot.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por Brick em Qua Maio 13 2015, 20:52

Não queiras saber.

Passa numa farmácia, levanta a medicação e deixas a receita depois.

_________________
Não sou médico! Todas as informações prestadas sobre desmames têm como base uma experiência pessoal com antidepressivos e ansiolíticos e não substituem as recomendações dadas por pessoal qualificado!(Psiquiatra ou Médico de Família)
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5402
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por mrbombas em Qua Maio 13 2015, 22:10

Se costumas comprar sempre na mesma farmácia eles sabem o que compraste, explicas isso da consulta..

_________________
distorções cognitivas
avatar
mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por Plasmacosmico em Ter Jun 02 2015, 01:18

Procuras um botão? - Logo o ciclo recomeça...
Tal botão seria um dispositivo, pronto em seu "ser" que realizaria a mudança? - Ele não existe!!!
O fato deste (o botão), não estar contido em seu ser, não demanda que o mesmo venha a ser por si próprio, pois sua função esta relacionada diretamente ao ser em si.

Plasmacosmico

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 02/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por zeta em Ter Jun 02 2015, 08:47

Não queiras saber sobre efeitos adversos de desmames, pois na maioria das pessoas que os deconhecem também não os sentem. aminha médica diz uma frase com todo o sentido "no ansioso a ignorancia é o melhor caminho para a felicidade"...
Os meus pais tomam anti depressivos há muitos anos e nudam com uma facilidade que eu nunca vi, e a resposta vem de não saberem o que são efeitos adversos, pois se os sentirem desvaalorizam porque acima de tudo acreditam que o novo medicamento os vai melhorar...
Boa sorte e pensa menos, porque tudo passa...

_________________
Minhas respostas e conselhos, baseiam-se em experiências por mim vividas, pelo que para melhor orientação a nivel de medicação, por favor consultem o especialista adequado.
avatar
zeta
Moderador
Moderador

Mensagens : 884
Reputação : 121
Data de inscrição : 07/07/2011
Idade : 47
Localização : Guimaraes

Ver perfil do usuário http://rosette27.webnode.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por Vitor em Ter Jun 02 2015, 09:56

zeta escreveu:Não queiras saber sobre efeitos adversos de desmames, pois na maioria das pessoas que os deconhecem também não os sentem. aminha médica diz uma frase com todo o sentido "no ansioso a ignorancia é o melhor caminho para a felicidade"...
Os meus pais tomam anti depressivos há muitos anos e nudam com uma facilidade que eu nunca vi, e a resposta vem de não saberem o que são efeitos adversos, pois se os sentirem desvaalorizam porque acima de tudo acreditam que o novo medicamento os vai melhorar...
Boa sorte e pensa menos, porque tudo passa...


"no ansioso a ignorancia é o melhor caminho para a felicidade" Que grande verdade!

_________________
As minhas intervenções neste forum não visam de modo algum substituir o acto médico. Baseiam-se na minha experiência pessoal, de participantes deste forum e de outros. Cabe a cada participante do forum procurar aconselhamento médico, psicólogo ou outro pessoal qualificado.
avatar
Vitor
Moderador
Moderador

Mensagens : 880
Reputação : 82
Data de inscrição : 18/01/2012
Localização : Algarve

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por mrbombas em Ter Jun 02 2015, 13:58

se assim não fosse os membros e visitas aumentaria para milhões no nosso cantinho Very Happy

_________________
distorções cognitivas
avatar
mrbombas

Mensagens : 861
Reputação : 90
Data de inscrição : 31/07/2013
Idade : 34
Localização : Fátima

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: “Não sou nada\Nunca serei nada\Não posso querer ser nada”

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum