Últimos assuntos
Quem está conectado
9 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 9 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Qui Maio 25 2017, 20:26

E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por Vicent_Vega em Seg Jun 06 2016, 23:13

O meu irmão mais novo sempre foi o meu melhor amigo. Há dois anos que o nosso relacionamento se tornou menos próximo por morarmos em cidades diferentes e termos as folgas semanais a dias diferentes. No entanto, eu visitei-o na minha folga certa vez e fiquei a conhecer pessoalmente uma amiga dele que me tinha apresentado via skype. Tinha algumas afinidade com ela. Voltei a procurá-la, fiquei interessado, bastante. Fui falar com o meu irmão a esse respeito, porque eles já eram bons amigos há mais tempo. Ele afirmou que não tinha qualquer interesse nela, só amizade, e referiu mesmo que nem a conseguia ver de outro modo. Eu então falei com ela, fui sincero, disse como me sentia. Ela começou por não ceder, mas ao fim dessa mesma noite beijamo-nos. Uma , outra, várias. Voltei na semana seguinte e em outra. Em conversa via skype disse ao meu irmão que gostava dela. Ele disse-me para ir em frente, que ela era uma óptima pessoa, etc, etc. Voltei a vê-la mais uma vez, mais beijos, quase algo mais, mas só quase. Na semana seguinte levei um pontapé no cú. Ela disse-me por mensagem que era melhor eu não ir ter com ela. Ficou mais de um mês sem me falar. Há dias voltou a fazê-lo, eu disse querer ir ter com ela, ela disse estar a ter um apaixonada por outra pessoa e a ter uma relação com ela. Quem é essa pessoa? O meu irmão.
E na verdade ela não me disse quem era. Eu insisti muito, estranhei ela não querer falar sobre ele já que eu não conhecia bem ninguém da vida dela tirando meu irmão. Perguntei via skype ao meu irmão se ele sabia do namoro dela, depois de dois dias sem me falar, responde que as coisas ficaram acesas entre ele e ela. Essa mesma palavra: acesas. Eu senti-me mal - fisicamente mesmo - ao ler aquilo. Fiquei magoado, ressentido, com raiva. Briguei com ele. E com ela.


Eu e ela não tínhamos nada. Isso é mais do que assente. Ela não gostava de mim, também é ponto assente. Mas por que raio é que o meu irmão diz que nem a veria desse modo já a conhecendo há dois anos e depois, justamente quando me envolvo, quando lhe digo que estou apaixonado por ela, ele vai pra cima dela? A diferença de tempo é de menos de dois meses... e depois reponde-me coisas como "é a vida, acontece...", "não sabia que tu gostavas tanto assim dela....". E depois diz que eu lhe tinha dito que gostava dela há 6 meses, quase um ano, quando foi em Março...

Tive a consideração de ir falar com ele antes de me meter com ela. Ele, sabendo que eu gostava dela, tratou de ir papá-la sem nunca me contar nada, só descobri por acaso, porque ela deu bandeira...


Esta situação dá-me nojo. Não consigo parar de pensar nisto.
Já briguei várias vezes com o meu irmão. Já pensei se estou a ser injusto mas, honestamente, não acho. Não faço questão nenhuma de brigar com ele, só que sinto que passaram por cima de mim sem dó. Não houve consideração, respeito, nada.


Fui feito de idiota.


Passo a vida a ceder, a fazer jeitinhos aos outros, não tenho vontade nenhuma de ficar amiguinho do meu irmão só pra não seer inconveniente no seio familiar, ou pra aliviar a consciência dele. Honestamente, sinto-me maltratado. Nunca esperei que o meu irmão fosse ter uma atitude tão leviana comigo... era impensável...

Sinto-me lixo...


Última edição por Vicent_Vega em Sex Jul 01 2016, 20:28, editado 1 vez(es)

Vicent_Vega

Mensagens : 39
Reputação : 7
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Cu de Judas

Ver perfil do usuário http://o-homem-no-escafandro.blogspot.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por Vicent_Vega em Sex Jun 17 2016, 23:29

Dling, Dlong, Dling, Dlong.
Tenho falhado no dar à corda ao instrumento de bloqueio de pensamentos obsessivos. Um dia, outro, outro e outro, todos iguais. Cópias feias. Tenho 13 horas e poucos de trabalho nos pés, reguei muitas goelas com álcool, e entretanto, porta fechada, luz apagada e tenho tratado de regar a minha. É paroxetina, é diplexil-r e... cerveja, moscatel com cerveja, baileys. To bêbado que nem um texugo... existe esta expresssão? Os texugos sao bebedolas? What the fu..k?
Não to a telcar aqui porque to bebado, é porque sou sozinho. Monstruosamente só. Razão suficiente para fazer um estrago. Alguma cosia bem definitiva. Colhões, onde estão agora? Linguagem imprópria? É dessa que eu gosto, bem no extremo, bem no limite. Foda-se isto tudo.
Não há ninguém.
As pessoas são movidas a umbigo. O meu irmão é um cabrão. Eu sou um cabrão porque quero matar-me e não consigo. Covarde de merda.
Sinceramente, a minha preocupação agoraa é em não vomitar. To meio indispoto mas odeio vomitar.
Rezem por mim se acreditarem em alguma força do além. Ou não. Não rezem. Quanto menos forças a mover-me para o centro, talvez mais rápido isto acabe. Que acabe isto pelo amor de santo alguém, coisa, etc e tal.

Vicent_Vega

Mensagens : 39
Reputação : 7
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Cu de Judas

Ver perfil do usuário http://o-homem-no-escafandro.blogspot.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por Brick em Sab Jun 18 2016, 10:42

Neutral

_________________
Não sou médico! Todas as informações prestadas sobre desmames têm como base uma experiência pessoal com antidepressivos e ansiolíticos e não substituem as recomendações dadas por pessoal qualificado!(Psiquiatra ou Médico de Família)
avatar
Brick
Admin
Admin

Mensagens : 5405
Reputação : 550
Data de inscrição : 29/10/2010
Localização : Viseu

Ver perfil do usuário http://www.ansiosos.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por claudino em Sab Jun 18 2016, 15:55

Nesta história toda o lixo não és tu! !! Ponto assente?
Segue em frente com a tua vida e de cabeça levantada.
Não te sintas sozinho, ou melhor, pensa que mais vale só que mal acompanhado. Mais tarde ou mais cedo vais encontrar a pessoa. Agora não desesperes e não te refugies no álcool, só te faz mal. Ergue a cabeça, a VIDA está à tua espera. Abraço

claudino

Mensagens : 19
Reputação : 0
Data de inscrição : 19/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por harleyqueen em Seg Set 12 2016, 18:17


Parece com algo que vivi.

Porém não estou comparando nem vou dizer algo para te confortar, pois sou humana e egoísta e também preciso falar de mim. Única vez que me apaixonei na vida, minha irmã sabia, foi lá e ... "pegou". Depois ele se apaixonou por ela. Assim é essa história (in)feliz. Só que assim, falar não adianta nada. Esquecer também não dá. Estou nos remédios há 3 anos e tal, só melhorando. Então pelo menos vou casar - talvez, provavelmente. Mas perdi o orgulho próprio, já me arrastei e até julgada por outros. Sad

harleyqueen

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/09/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: E o resto é silêncio? ou Como o Meu Irmão Me Phodeu

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum