Últimos assuntos
» 3 dias sem Paroxetina
Hoje à(s) 07:11 por CsaSousa

» Duvida tabela equivalencia benzo
Ontem à(s) 14:54 por JP100

» Duvidas calores e frios
Dom Set 16 2018, 12:10 por JP100

» Ao dar "Tonturas" entra se em PÂNICO?
Sab Set 15 2018, 18:40 por JP100

» Medo de ter medo e não saber o que é
Sab Set 15 2018, 17:51 por Liliana

» Xanax/Alprazolam/Olcadil e duvidas e experiências
Sab Set 15 2018, 08:48 por Nuno Diogo

» Isto o que é...?
Ter Set 11 2018, 13:33 por JP100

» Registo e lembranças
Qui Ago 30 2018, 15:55 por JP100

» Sintomas após desmame do alprozolam
Dom Ago 19 2018, 00:29 por clesio

» Desmame de ALPRAZOLAM 1mg / LORAZEPAM 2,5 mg
Ter Ago 14 2018, 21:11 por voyager

Quem está conectado
9 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 9 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 65 em Seg Jan 01 2007, 03:04

Depressão (?)

Ir em baixo

Depressão (?)

Mensagem por bentstorm em Qua Jul 26 2017, 05:17

Boa noite.
Vou contar um pouco da minha história.
Quando frequentava o ensino fundamental eu era uma criança muito arteira, sempre arrumava confusões com meus colegas, em qualquer tipo de situação, não aceitava nenhum tipo de brincadeira. Sempre quis ser melhor em tudo, sempre quis aparecer. Arrumei muita confusão, e meus pais sempre me batiam em qualquer situação de confusão que eu estava no meio, as vezes, eu nem tinha culpa do fato e sempre levava a pior. Sempre me senti com medo dos meus pais pra tomar qualquer atitude, minha mãe sempre preocupada com a casa, lembro-me de uma vez que enquanto ela estava no trabalho, chamei 2 amigos para irem ate minha casa e lá brincamos pela casa, lembro-me ate hoje dela brigando comigo por o piso (madeira) estar com pegadas, não que estavam sujas de barro ou coisa parecida, apenas aquela gordura corporal. Desde então sempre tive dificuldades em trazer pessoas para minha casa.
Quando eu sai do ensino fundamental, onde era uma escola municipal, meus pais me colocaram em um colégio particular. Fui para a quinta-série. O Colégio era novo na cidade e eu fui o primeiro da história a ser matriculado e o primeiro a ser convidado a se retirar dele e o porque vou contar. Minha quinta-serie foi relativamente normal, alguns colegas do colégio municipal a qual eu estudava, também se mudaram para lá, não me sentia sozinho, mas eles já me conheciam e sabiam do meu temperamento. Não me lembro muito bem, da minha quinta/sexta-serie, mas lembro que sempre quis me exibir para as garotas e garotos mais velhos, arrumei algumas confusões por razões nenhuma, cassava confusões! Nos treinos de futsal, na educação fisica, durante os intervalos e durante as aulas desrespeitavas os professores. Na sétima série, quado eu tinha 13 anos, naquela época existia uma rede virtual mIRC, onde era muito usada pra se socializar. Por fim, um menino da minha cidade, começou a me ameaçar virtualmente, dizendo que iria me hacker e coisas do tipo e eu prometi a ele que se não fizesse eu iria bater nele. Passado isso, alguns dias apos, eu estava voltando da minha escola, ele era de outra, porem nossas escolas tinham uma distancia de 200metros, eu o encontrei e empurrei ele que consequentemente tropeçou e caiu, eu virei as costas e fui embora e ele nem se quer reagiu. Chegando em casa, fui me conectar ao mIRC, quando entro me deparo com a seguinte situação, havia uma pagina com meu nome "xxx-morto" criada pelos amigos mais velhos do menino que empurrei, com os quais alguns eu ja havia arrumado confusão, e me ameaçavam constantemente, dizendo que seria meu ultimo dia de vida, que eu iria morrer no final da aula, coisas que so me aterrorizaram. Então sem saber o que fazer, fui ate a cozinha da minha sala e peguei um faca, aquelas de cortar carte, usadas nos churrascos, e coloquei em minha bolsa pensando, se eles vierem pra me matar, vou usa-la pra me defender. Fui pra escola nervoso, ansioso, com medo! Havia apenas um amigo que eu confiava, e então eu chamei ele no canto e mostrei pra ele, ele se assustou com toda certeza e disse para ele nao contar a ninguem e ele disse que não contaria e eu acreditei, nesse mesmo dia nos tinhamos aula de ed fisica, como o colegio era novo, as aulas eram mistas, com as turmas e alguns dos meninos que me ameaçavam estavam nessa aula e ficaram me aterrorizando a aula inteira. Acabando a aula, sai correndo em direção a sala de aula e fui ate minha bolsa verificar e minha faca ja nao estava mais lá. Meu amigo me dedurou. Não deu 5minutos a diretora me chamou e quando cheguei a sua sala, meus pais ja estavam lá e a faca sob a mesa da diretora. Lembro me ate hoje como a diretora daquele colegio me tratou como um marginal, eu não sabia o que estava fazendo, fiz aquilo so pra me proteger. Tentei explicar a minha situação pra todos envolvidos, e ninguém acreditou em mim, ninguém. Eu era a vitima, eu estava sendo vitima de bullying, naquela epoca não existia este termo. Enfim, depois de tudo isso ocorrer, visitei varios psiquiatras, psicólogos, virei motivo de chacota. Troquei de colegio, e por morar em uma cidade pequena, os boatos ja tinham se espalhados, todos ja sabiam, que eu era o menino que levou uma faca pro colegio pra matar, todos tiravam sarro de mim, ganhei varios apelidos, eu percebia que as pessoas tinham medo de ficar comigo, me ignoravam. Mas fui levando, o novo colegio ficou ciente da situação e me apoiaram, vários pais pediam pra não me aceitar no colégio, mas eles me aceitaram. Fui para oitava-serie, estava transtornado com a situação que me havia ocorrido, arrumei várias confusoes no novo colégio, com professores e colegas de sala. Nessa epoca meu pai era contrabandista de informatica, ele trazia do paraguai produtos de informatica, na lei, era um sonegador de imposto, e ele era O CARA da região. Pois um dia, as 7 horas da manha, quando estava prestes a acordar, fui abordado em meu quarto por um policial federal portando seu fuzil, dizendo que estava em operação que iria revistar o meu quarto. Eu entrei em choque, por fim, eu sabia que o que meu pai fazia não era certo, e então eu vi meu pai sendo algemado e minha mae me obrigou a ir para o colégio, eu tinha prova de matematica aquele dia e claro que eu não a fiz, porque eu nao sabia o que fazer no que pensar, meu pai tinha sido preso. Mais um motivo para todos falarem mal de mim e eu ser julgado com criminoso, filho de criminoso, criminoso é. Meu pai ficou em uma penitenciaria por 1 mês ate ser liberado e ser setenciado com cestas basicas e trabalhos voluntarios por alguns anos, ja era epoca de natal, estavamos no verão, quase que não passo o natal com meu pai aquele ano. No ano seguinte, estava no primeiro ano, eu era o cara, ensino médio. Todos conheciam minha historia, todos me tiravam sarro, e sempre parecia que todos me olhavam e falavam de mim. No meu primeiro ano, tive confusoes com alguns professores e acabei sendo reprovado. Durante todo esse periodo eu estava tendo acompanhamento piscologico. Melhorei, mas nada apagava o que aconteceu na minha vida. Quando fui para o terceirão, meus pais me enviaram para outra cidade, lá conheci pessoas novas, todo mundo era focado para o vestibular, ninguém conhecia minha historia. Fiz vários amigos, me sentia tão bem, ate hoje falo pra todos, foi o melhor ano da minha vida, o ano era 2009. Era o ano do vestibular, não consegui aprovação em nenhuma faculdade federal/estadual, apenas em particulares, não quis cursar, quis continuar no cursinho para egressar em faculdades do governo. Em 2010, fui para a capital, me sentia muito sozinho, estava a 600km de casa, longe de tudo e de todos, não consegui fazer amigos então meus pais resolveram me levar para outra cidade, era minha terceira cidade em apenas dois anos, e por fim não consegui aprovação em nenhuma faculdade. Então voltei para a cidade que fui em 2009, para o mesmo colégio, porém não foi a mesma coisa, lá conheci pessoas erradas, comecei a fumar maconha, foi meu primeiro contato com a droga. Estava começando a fumar praticamente todos os dias da semana, até que recebo a noticia que tinha sido aprovado em um federal no curso de engenharia de alimentos. Fiquei feliz e ao mesmo tempo não, eu sabia que não era o que eu queria. Mas pros meus pais se sentirem orgulhosos de mim, peguei minhas coisas e fui para a minha quarta cidade, sozinho. Fui pra faculdade, onde fiquei apenas 6 meses e desisti do curso por não ser o que eu queria, eu queria ser engenheiro civil, então meus pais me colocaram em uma faculdade particular, em outra cidade. Lá vamos nós de novo. A partir daí, havia várias pessoas da minha cidade natal, pessoas que conheciam meu passado, que sabiam quem eu era, e essas mesmas pessoas começaram a estudar comigo, me ofereceram maconha, e eu para querer me socializar com eles, tentar mudar minha imagem com eles, não pensei duas vezes. Fumei e comecei a comprar, fumava todos os dias, de 2012 a 2015 eu fumei praticamente todos os dias, sem parar. Não conseguia ficar um dia sem fumar. Tive muitos pensamentos suicidas, ate hoje. Me sinto um fracassado, sinto a pressão dos meus pais, por eu ter 25 anos e não tenho um emprego, tenho medo das pessoas, tenho medo de tudo, tenho vergonha de socializar, me sinto um lixo. Tento me esforçar pra conseguir um emprego, envio meus curriculos, nada me aparece, já faz um ano que estou formado e sem emprego. Tenho medo de mim, tenho medo de perder minha namorada, ela não sabe o que se passa na minha cabeça. Eu não sei o que fazer. Estou perdido, vivendo uma mentira.

apenas um desabafo, não sei pq fiz isso... minha vontade é morrer pra fugir dessa dor.

bentstorm

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 26/07/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão (?)

Mensagem por zeta em Qua Jul 26 2017, 13:24

Estás confuso, o que é normal...estás dependente da droga ...deverias pedir ajuda para te libertares...és muito jovem , tens a vida toda pela frente...todos temos fases menos boas...temos que tentar deixar passar essas fases e procurar fazer o melhor. No teu caso ,precisas de apoio para desmames da maconha e voltares a teres confiança em ti mesmo. E chegou a hora de olhares para ti, para o teu interior e veres o que realmente te faria feliz...e deixar o que os outros pensam um pouco de lado...nunca conseguimos agradar a toda a gente.
Procura ajuda psicologica e depois tem encaminharão para um especialista adequado para te libertares dessa dependencia.
Boa sorte.

_________________
Minhas respostas e conselhos, baseiam-se em experiências por mim vividas, pelo que para melhor orientação a nivel de medicação, por favor consultem o especialista adequado.
avatar
zeta
Moderador
Moderador

Mensagens : 918
Reputação : 122
Data de inscrição : 07/07/2011
Idade : 49
Localização : Guimaraes

Ver perfil do usuário http://rosette27.webnode.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão (?)

Mensagem por clinicaclecanan em Qua Fev 07 2018, 16:53

Tratamento de depressão: buscando ajuda profissional

A depressão tratamento deve ser feito por pessoal especializado, contando com a colaboração da própria pessoa, que deve ser motivada para sair dela.

Saiba mais aqui http://cleuzacanan.com.br/tratamento/depressao-tratamento/

clinicaclecanan

Mensagens : 2
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/02/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Depressão (?)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum