Últimos assuntos
» SENTINDO SOZINHA, RODEADA DE DE GENTE
Ontem à(s) 01:50 por Gustavo B

» Ansiedade e Hipocondria
Sab Nov 17 2018, 12:22 por CELIA GONÇALVES

» Um tabu entre clonazepam e alprazolam
Sex Nov 09 2018, 01:21 por LP0956

» 3 dias sem Paroxetina
Qua Nov 07 2018, 22:55 por Gustavo B

» Medicação para ansiedade
Ter Nov 06 2018, 00:31 por LP0956

» Rivotril ou Xanax para aliviar a abstinência causada pelo fim do efeito do Venvanse no final do dia?
Seg Nov 05 2018, 16:32 por LP0956

» Antidepressivos x vitaminas
Dom Nov 04 2018, 19:03 por Brick

» Mirtazipina
Seg Out 29 2018, 22:09 por Gustavo B

» Se não se morre da doença morre-se da cura!
Seg Out 29 2018, 16:37 por analobo

» Vida paralela
Seg Out 29 2018, 16:35 por analobo

Quem está conectado
7 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 7 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 65 em Seg Jan 01 2007, 03:04

Como funcionam as perturbações mentais

Ir em baixo

Como funcionam as perturbações mentais

Mensagem por Augusto Rangel 2014 em Qui Jun 07 2018, 18:56

Esta breve abordagem, está somente dirigida às questões de patologia dissociativa.

O sentido critico, só está presente na mente consciente, podemos designá-lo, grosso modo, como “inteligência”.

A capacidade de armazenamento (memorização) da mente consciente, é limitada.

Tanto no subconsciente como no supra-consciente, esse limite de capacidade não existe.

Como o sentido crítico e a lógica não existem no subconsciente e supraconsciente, podemos dizer de uma forma básica que eles são “estúpidos”, pois processam tudo o que lá está sem qualquer tipo de julgamento, seja ele bom ou mau, não pensam devido à tal ausência do sentido crítico.

Certamente que já ouviram falar de regressões a vidas passadas … essas recordações encontram-se alojadas na memória supraconsciente, ou seja, a memória da nossa alma, logo, as regressões a VP incidem nela.

É como uma memória mais afastada, o acesso a ela obriga a um maior aprofundamento psíquico … Em relação ao subconsciente, tal aprofundamento psíquico não é necessário, basta um pequeno relaxamento da parte consciente em conjunto com o seu sentido critico.

Todavia quando nascemos, isto em relação ao supraconsciente que é a memória da alma, é-nos colocado uma espécie de “véu do esquecimento”, para que essas memórias de existências passadas, não tenham reflexo na nossa vida física presente, (pois algumas memórias traumáticas dessas existências passadas, podem originar o que se chama de fobias), o que não acontece com o nosso subconsciente, pois ele regista, grava e processa tudo o que faz parte da nossa vida física actual, desde que fique activo e não como memória inerte.

O nosso subconsciente apesar de não ter o sentido critico, como já referi, é mais forte do que o nosso consciente … pode levar um tempo mas vence sempre o consciente, através do que lá esteja emergente e activo.

As perturbações mentais, estão alojadas no subconsciente, daí que bombardeiam o consciente com o que lá está de forma continuada e persistente, bastando para isso que esteja activo e emergente e não como uma espécie de arquivo inerte.

As substâncias químicas actuam ao nível do corpo físico (cérebro-neurónios, mente consciente) , podem amenizar sintomas desagradáveis, mas não vão ao cerne da questão, à origem do problema. Estando essa origem no subconsciente (parte não física) os químicos não são a solução.

Augusto Rangel (Prof.)

Augusto Rangel 2014

Mensagens : 24
Reputação : 1
Data de inscrição : 05/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como funcionam as perturbações mentais

Mensagem por tribo em Qui Jul 05 2018, 21:22

Faz todo o sentido! No entanto, o que se pode fazer para ir ao cerne da questão, à origem do problema ?

tribo

Mensagens : 3
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/06/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como funcionam as perturbações mentais

Mensagem por danielmarques em Seg Jul 09 2018, 15:35

tribo escreveu:Faz todo o sentido! No entanto, o que se pode fazer para ir ao cerne da questão, à origem do problema ?

Não é certamente com a Psicanálise! Razz

Se se quiserem rir leiam «O Complexo de Portnoy» de Philip Roth. lol!
avatar
danielmarques

Mensagens : 10
Reputação : 1
Data de inscrição : 22/10/2015
Localização : Lisboa, Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Como funcionam as perturbações mentais

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum