Últimos assuntos
» Um tabu entre clonazepam e alprazolam
A Solidão... EmptyQua Abr 17 2019, 18:36 por Edmundo Katriel

» SENTINDO SOZINHA, RODEADA DE DE GENTE
A Solidão... EmptySeg Abr 15 2019, 19:43 por Edmundo Katriel

» Medo absurdo de ter problemas no coração
A Solidão... EmptySeg Abr 15 2019, 16:34 por Edmundo Katriel

» Iniciar tratamento com Quetiapina para depressão bipolar?
A Solidão... EmptyQui Abr 04 2019, 20:23 por Edmundo Katriel

» A Solidão...
A Solidão... EmptyQui Abr 04 2019, 14:15 por zeta

» Desmame de Tranxene
A Solidão... EmptyQui Abr 04 2019, 03:19 por Edmundo Katriel

» Paroxetina - Desmame voluntário
A Solidão... EmptySeg Abr 01 2019, 20:22 por Brick

» Viver com Ansiedade
A Solidão... EmptyQui Mar 28 2019, 18:45 por zeta

» Quando os sintomas regressam!
A Solidão... EmptyQua Mar 27 2019, 18:20 por zeta

» Burrice/lerdeza + falta de sensibilidade
A Solidão... EmptyQua Mar 27 2019, 18:14 por zeta

Quem está conectado
4 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 4 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 65 em Seg Jan 01 2007, 03:04

A Solidão...

Ir em baixo

A Solidão... Empty A Solidão...

Mensagem por RFCF em Seg Fev 11 2019, 23:16

Todos os dias o sentimento de ausência de algo está bem presente. O mais difícil disto tudo é o facto das pessoas não conseguirem perceber isso, o porque de eu sentir isso resume-se ao facto de eu ter necessidade de alguém perceber que estou ali e não ser apenas um vulto. Apesar de eu sentir que a culpa é minha, a verdade é muito diferente, ou seja, eu não consigo ser diferente daquilo que consigo oferecer, não consigo ser percebido por alguém e ao contrário do que muita gente pensa, eu não consigo resolver isto sozinho, as coisas simplesmente não funcionam assim.
     A tristeza que a solidão me aflige deve ser das coisas mais difíceis que eu tive de ultrapassar, aliás, ainda o estou a fazer. Eu digo isto porque a profundidade deste sentimento é enorme eu não consigo encontrar algo que me possa aliviar este peso.
     E qual é a razão de todo este vazio? As únicas respostas que eu encontro para isto são a minha timidez durante a infância-adolescência e a fase em que os ataques de pânico entraram na minha vida, numa fase em que estava a melhorar  as minhas habilidades sociais, e as consequências que estes tiveram no resto dela. O medo que ganhei com eles, não me permitiu sair de casa durante muito tempo levando a perder tudo o que tinha conquistado até aí.
     O que fazer? É esta a minha questão...

     RFCF

RFCF

Mensagens : 3
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Solidão... Empty Re: A Solidão...

Mensagem por Edmundo Katriel em Seg Abr 01 2019, 18:29

Oi amigo, tudo bem? - Imagino que não, mas espero que você veja minha resposta. Encontrei sua pergunta no Google, e logo que a vi, criei uma conta aqui no fórum.

Eu entendo pelo que você tá passado. Todos os dias, sete dias por semana e 24h por dia, eu me encontro apático, sem sentir prazer ( em nada ) e com ansiedade severa, que me limita. Embora eu seja um jovem de 19 anos, hoje me encontro em isolamento social. É complicado, quando eu era criança, tive uma infância normal, mas de vez em quando, tinha crises de pânico ( naturais ) e existências. Sempre me senti sozinho, mesmo rodeado de pesssoas. Às vezes me perguntava o porque das pessoas demostrarem tão pouco afeto pelas outras, o porque de serem tão indiferentes. ( e eu que sou o doente ) Parece que as pessoas não percebem aquilo que não entendem, na verdade, parece que a "depressão" é tão eficiente que é invisivil aos olhos dos meros "normais". Pelo menos aqui no meu país, é por causa do pouco investimento em saúde mental.

Faz uns 5 anos que manisfestei minha primeira crise de pânico, naquele tempo não estava bem. Bem, digamos apenas que os primeiros sintomas depressivos foram "interpretados" pelas pessoas como "a liberdade de agredir". Parece que aquilo que as pessoas não entendem, pelo menos quando envolve "os diferentes", elas simplismente agridem, seja verbalmente (pejorativamente) ou fisicamente. Sociedade despreparada e doente... Foi receitado a mim, um antidepressivo e um ansiolitico. Só que eu dei azar em dobro, tive uma crise maníaca com o antidepressivo e reação paradoxal com o ansiolitico. Mas o pior de tudo foi o meu vício e abuso de antidepressivos e ansiolíticos. Minha família também não é das mais equlibradas. Imagina só você, encontrar um meio de distorcer a realidade, ainda mais pra quem vive na solidão? Eu a fiz assim que pude! E isso me custou muito caro. Os sintomas maníacos e psicóticos subiram minha mente e eu me perdi, fiquei sem personalidade e perdi todos os meus amigos. Foi tão traumatizante que até hoje não superei.

Olha me desculpa pela resposta grande, mas me identifiquei muito com você . O que eu posso dizer para ajudar é, bem, eu não posso ( sou bipolar) mas você sim. São os antidepressivos, talvez você devesse tentar-los. Eles não resolvem tudo, mas se você é unipolar, não custa nada tentar. A questão existencial é complexa, a condição humana é complicada. Eu não estranho pessoas se sentido sozinhas e vazias, eu estranho pessoas se sentido preenchidas e alegres. Uma vez um amigo muito especial me disse "A dor é *CONDICIONAL, mas o sofrimento é *INCONDICIONAL." Desejo que você encontre o que busca e que isso não acabe num terror até o final da existência. Talvez buscar aquilo que menos danos valor ou acreditamos, pode ser a resposta...
Edmundo Katriel
Edmundo Katriel

Mensagens : 6
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2019
Localização : Brasil, Maranhão...

Ver perfil do usuário https://reacaoparadoxal.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Solidão... Empty Re: A Solidão...

Mensagem por zeta em Qui Abr 04 2019, 14:15

Solidão é um tema cada vez mais actual e que ninguém com poder para tal faça algo para mudar(o sistema de saúde). Cada vez nossa sociedade é mais individualista ,mais deshumana, egoísta e menos valoriza a natureza e a vida tal como ela é..Anda toda a gente stressado com horários de traalho, escolas e até de ginásio.vivemos num corropio em que mal conhecemos e pouco convivemos com os amigos e vizinhos. Daí essa solidão, que tanto nos afecta..
Eu, pessoalmente valorizo imenso as pessoas amigas, e a natureza, a vida no seu estado puro e tento afastar.me, o melhor possível, do stress que se vive á minha volta.
Então, comecei a meditar, a praticar reiki, actividades que pratico só mas não me sinto só,pelo contrário sinto me mais eu sem aquela dependência de outros e por incrível que pareça essa minha tranquilidade tem atraído mais amizades que se sentem confortáveis a conversar comigo pela paz que insconscientemente eu transmito.
E no fundo é isso, se soubermos encontramo nos a nos mesmos, aceitarmos a nossas limitações e apreciar o que a natureza nos dá:as plantas, as arvores, os animais(estes então dão nos um amor incondicional que não há comparação e com animais por perto, como no meu caso tenho um cão e um gato, nunca me sinto só..)
escrevi muito, divaguei demais ,mas penso que transmiti a ideia certa.

_________________
Minhas respostas e conselhos, baseiam-se em experiências por mim vividas, pelo que para melhor orientação a nivel de medicação, por favor consultem o especialista adequado.
zeta
zeta
Moderador
Moderador

Mensagens : 933
Reputação : 125
Data de inscrição : 07/07/2011
Localização : Guimaraes

Ver perfil do usuário http://rosette27.webnode.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Solidão... Empty Re: A Solidão...

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum